Retomada terá como base diálogo político, educação e meio ambiente, diz Leite

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
O governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite (PSDB), afirmou há pouco, durante o Brazil Conference at Harvard & MIT, que a retomada do crescimento no Brasil precisará ter como base a política, principalmente com respeito à opinião do outro, educação e meio ambiente.

 

“No Rio Grande do Sul, temos muito orgulho de ter feito reformas previdenciária e administrativa mais profundas que em outros Estados. Mas temos orgulho principalmente de como fizemos, com amplo diálogo com os sindicatos e a oposição. Política é sobre cicatrizar feridas, e o Brasil precisa cicatrizar feridas neste momento”, afirma Leite.

 

O governo gaúcho lembra que o Brasil perdeu confiança e credibilidade por conta do excesso de gastos públicos, e para retomar esta confiança, vai ter que mostrar comprometimento com o equilíbrio fiscal, com privatizações e reformas.

 

Sobre educação, Leite afirma que o Brasil não está formando os jovens. “Temos um ensino muito fraco em matemática, que desenvolve o raciocínio lógico e é importante para a tecnologia, e também estamos muito mal em interpretação de textos”.

 

O último ponto apontado por Leite é o meio ambiente. “Esse assunto é importante também para o desenvolvimento econômico, já que é uma preocupação de nossos principais parceiros internacionais”. O governador do Rio Grande do Sul cita os últimos dados do Instituto de Pesquisas Espaciais (INPE), que mostraram um desmatamento recorde da Amazônia em março.

Como podemos ajudar você?

Em nosso canal do Telegram você receberá as principais notícias que movimentam o mercado.

Na área O que comprar você acompanha diversas sugestões e atualizações.

Em nossas Assinaturas você pode conferir diversas recomendações, análises e conteúdos exclusivos.

Receba conteúdos diariamente por e-mail

Estadão Conteúdo

Estadão Conteúdo

"O Estado de S. Paulo" é o mais antigo dos jornais da cidade de São Paulo ainda em circulação . Em 4 de janeiro de 1875, ainda durante o Império, circulava pela primeira vez "A Província de S. Paulo" - seu nome original.

Você pode se interessar por

Publicidade

Receba notícias pelo Telegram

Leia também

Tire dúvidas sobre investimentos

Últimas atualizações sobre

Advertência

Declaramos que o Portal Acionista.com.br não se responsabiliza pelas informações divulgadas neste site e qualquer outro canal, tanto referente às matérias de produção própria , quanto matérias ou análises produzidas por terceiros ou reproduzidas de links autorizados, publicados nas nossas páginas a partir de uma seleção criteriosa, porém sem garantir sua integralidade e exatidão.
Matérias e  análises produzidas por terceiros são de inteira responsabilidade dos mesmos. As informações, opiniões, sugestões, estimativas ou projeções referem-se a data presente e estão sujeitas à mudanças conforme as condições do mercado, sem prévio aviso.
Informamos, ainda, que o Acionista.com.br não faz qualquer recomendação de investimento e que, portanto, não se responsabiliza por perdas, danos, custos e lucros cessantes decorrentes de operações financeiras de qualquer tipo, enfatizando que as decisões sobre investimentos são pessoais.
Importante lembrar sempre: ganhos passados, não são garantia de ganhos futuros.

Fique por dentro

Se inscreva para ser notificado quando um novo post for publicado.

Além de diversos conteúdos do mercado financeiro em um lugar para você ler, comparar e decidir.

Este site usa cookies e dados pessoais de acordo com os nossos Termos de Uso e Política de Privacidade e, ao continuar navegando neste site, você declara estar ciente dessas condições.