Empresários do setor industrial seguem confiantes

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tweet
Compartilhar no linkedin
Publique
Compartilhar no whatsapp
Encaminhe
Compartilhar no email
Envie

Newsletter

Tire dúvidas sobre investimentos

Receba notícias pelo Telegram

O Índice de Confiança do Empresário (ICEI) de outubro de 2020 mostra que empresários de todos os 30 setores considerados na pesquisa da Confederação Nacional da Indústria (CNI) seguem confiantes.

Na comparação com o mesmo mês do ano passado, 22 setores mostram alta da confiança. No entanto, na comparação com setembro, o índice aumentou em 13 setores industriais e recuou em outros 16.

O gerente de Análise Econômica da CNI, Marcelo Azevedo, explica que o ICEI é um indicador que antecede o desempenho industrial e sinaliza mudanças de tendência da produção. Ele é calculado em um intervalo de 0 a 100 pontos, sendo 50 pontos a linha de corte. Qualquer valor acima de 50 indica confiança.

‘É importante dizer que, mesmo nos setores onde há queda do ICEI, os empresários ainda mostram confiança em outubro, ainda que menor do que em setembro. Há questões importantes que interferem nessa confiança, como avanço das reformas, que podem ser um divisor de águas na economia no próximo ano’, explica o economista.

O ICEI da Indústria de Transformação recuou 0,6 ponto, mantendo-se em patamar elevado, com 62 pontos.

Os setores mais confiantes são: Produtos de borracha. Metalurgia, Produtos de mnerais não metálicos, Produtos de metal e Têxteis. Os setores com menor confiança são: Biocombustíveis, Obras de infraestrutura e Equipamentos de informática, eletrônicos e ópticos.

O ICEI da Indústria da Construção se manteve inalterado em 56,7 pontos em outubro. A confiança aumentou nos setores de Obra de infraestrutura e Serviços especializados para construção, mas está menor no setor de Construção de edifícios.

O ICEI da Indústria Extrativa cresceu 3,8 pontos em outubro, atingindo 63,7 pontos. Esse foi o segmento industrial com as principais altas entre setembro e outubro.

(MR – Agência Enfoque)

Advertência

Declaramos que o Portal Acionista.com.br não se responsabiliza pelas informações divulgadas neste site e qualquer outro canal, tanto referente às matérias de produção própria , quanto matérias ou análises produzidas por terceiros ou reproduzidas de links autorizados, publicados nas nossas páginas a partir de uma seleção criteriosa, porém sem garantir sua integralidade e exatidão.
Matérias e  análises produzidas por terceiros são de inteira responsabilidade dos mesmos. As informações, opiniões, sugestões, estimativas ou projeções referem-se a data presente e estão sujeitas à mudanças conforme as condições do mercado, sem prévio aviso.
Informamos, ainda, que o Acionista.com.br não faz qualquer recomendação de investimento e que, portanto, não se responsabiliza por perdas, danos, custos e lucros cessantes decorrentes de operações financeiras de qualquer tipo, enfatizando que as decisões sobre investimentos são pessoais.
Importante lembrar sempre: ganhos passados, não são garantia de ganhos futuros.

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Leia também

Conheça o Painel Acionista: em um só lugar tudo o que você precisa saber sobre investimentos