Na terceira reunião do ano, o Comitê de Política Monetária optou por um corte de 0,25 p.p. na taxa Selic

O corte na taxa Selic, que já era esperado pelo mercado, foi confirmado na reunião do Copom desta quarta-feira (08/05). O Banco Central (BC) optou por reduzir a taxa de juros para 10,50% ao ano, totalizando o sétimo corte. Dessa vez, o corte foi de 0,25pp ao invés de 0,50pp como vinha acontecendo desde agosto do ano passado.

As projeções divulgadas no Boletim Focus desta terça-feira (07/05) trazem boas notícias em relação à inflação para o ano de 2024. A estimativa da inflação caiu de 3,76% para 3,72%, sinalizando um cenário mais favorável para a economia brasileira. 

Para o PIB, a expectativa é de 2,05% para 2024, enquanto o dólar ficou na casa dos R$5 para este ano. A Selic é esperada em 9% no final de 2025 e 8,75% em 2026. Durante o dia (08/05), o Ibovespa, com a expectativa da Selic,  permaneceu em estável, com abertura em 129.210 pontos. No último mês, o index apresentou uma alta de cerca de 0,31%.

O iHUB Lounge possui uma área exclusiva com e-books e planilhas para você multiplicar os ganhos como investidor. A sua entrada na plataforma é gratuita clicando aqui!

Nos Estados Unidos, o Federal Reserve (FED) decidiu manter a taxa básica de juros do país no intervalo entre 5,25% e 5,50% ao ano, em linha com as expectativas dos especialistas. A reunião do FED ocorreu no dia 1º de maio. A XP Investimentos aponta que:

“Existem ferramentas que precificam as expectativas do mercado em relação às reuniões do Banco Central. Diferente do visto na última reunião (março de 2024), em que as “apostas” nas Digitais de Copom apontavam corte de 0,50p.p. com unanimidade, na rodada atual o mercado está um pouco mais dividido. Nessa semana, a maioria das apostas indica uma probabilidade de corte de 0,25 p.p. na Selic, passando de 10,75% para 10,50% e, como cenário alternativo, uma minoria com expectativas de manutenção do ritmo de cortes de 0,50p.p.”

Selic em Queda: Impactos e Oportunidades para Investidores

A recente redução da taxa Selic promete reconfigurar o panorama de investimentos no Brasil, com possíveis reflexos significativos sobretudo na renda variável. Em um movimento que pode alterar a percepção de atratividade dos investimentos tradicionais em renda fixa, investidores começam a direcionar seu foco e recursos para o mercado de ações e outras formas de renda variável, em busca de rentabilidades superiores.

Esta mudança na política monetária, além de estimular o apetite por riscos mais elevados, poderá servir como catalisador para o crescimento econômico. Empresas listadas na bolsa de valores, especialmente aquelas reconhecidas por distribuir dividendos e juros sobre capital próprio (JCP), despontam como alternativas promissoras para aqueles que buscam não apenas valorização, mas também geração de renda.

No entanto, especialistas ressaltam a importância de uma análise criteriosa e abrangente antes de qualquer movimentação financeira, considerando que a taxa Selic é apenas um dos muitos fatores a influenciar decisões de investimento.

Leia também: FIIs que podem ter um rendimento acima da Selic a 10% 

Diante dessa tendência de baixa na Selic, observa-se um crescente interesse por ações e fundos imobiliários. As ações oferecem a possibilidade de participação nos lucros de empresas, enquanto os fundos imobiliários representam uma aposta diversificada no mercado de ativos imobiliários, seja em papéis, em imóveis físicos ou em uma combinação de ambos. Importante destacar que os fundos imobiliários são obrigados a distribuir, semestralmente, no mínimo 95% dos seus rendimentos em forma de dividendos aos cotistas.

Este cenário desenha um novo horizonte para os investidores, que, atentos às variações do mercado e dispostos a diversificar suas carteiras, podem encontrar na atual conjuntura econômica uma oportunidade para maximizar ganhos em um ambiente de taxas de juros em declínio.

Antes de investir, é importante consultar um especialista. Preenchendo o formulário abaixo, um assessor da iHUB Investimentos, empresa parceira do iHUB Lounge, poderá te ajudar a construir uma carteira ideal para o seu perfil.

The post Copom: taxa Selic cai para 10,50% ao ano appeared first on iHUB Lounge.

Publicidade

CONHEÇA A COBERTURA QUE VAI

AUMENTAR SEU DINHEIRO NOS INVESTIMENTOS

Agendas, Análises, Recomendações, Carteiras e muito mais!