Piemonte arremata data centers da Oi com proposta de R$ 325 milhões

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tweet
Compartilhar no linkedin
Publique
Compartilhar no whatsapp
Encaminhe
Compartilhar no email
Envie

Newsletter

Tire dúvidas sobre investimentos

Receba notícias pelo Telegram

Genial
A Piemonte Holding venceu há instantes o leilão dos data centers da Oi. A companhia, representada pelo seu fundo Titan Venture Capital, foi a única proponente e confirmou o lance de R$ 325 milhões que já havia sido tornado público pelo ativo.

A companhia é uma gestora sediada no Rio de Janeiro e dona de uma carteira de mais de R$ 120 milhões em investimentos focados no ramo de data centers.

Em virtude da pandemia, o leilão ocorreu através de audiência virtual organizada pelo juízo da 7ª Vara Empresarial do Rio de Janeiro, onde corre o processo de recuperação judicial da Oi.

Também presentes na audiência virtual, o Ministério Público e o escritório Wald Advogados (administrador judicial do processo) concordaram com os termos da proposta da Piemonte e validaram a operação.

Ainda nesta quinta-feira, terá início o leilão para venda das torres da Oi.

Advertência

Declaramos que o Portal Acionista.com.br não se responsabiliza pelas informações divulgadas neste site e qualquer outro canal, tanto referente às matérias de produção própria , quanto matérias ou análises produzidas por terceiros ou reproduzidas de links autorizados, publicados nas nossas páginas a partir de uma seleção criteriosa, porém sem garantir sua integralidade e exatidão.
Matérias e  análises produzidas por terceiros são de inteira responsabilidade dos mesmos. As informações, opiniões, sugestões, estimativas ou projeções referem-se a data presente e estão sujeitas à mudanças conforme as condições do mercado, sem prévio aviso.
Informamos, ainda, que o Acionista.com.br não faz qualquer recomendação de investimento e que, portanto, não se responsabiliza por perdas, danos, custos e lucros cessantes decorrentes de operações financeiras de qualquer tipo, enfatizando que as decisões sobre investimentos são pessoais.
Importante lembrar sempre: ganhos passados, não são garantia de ganhos futuros.

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Leia também