VALE (VALE3) fecha acordo para ressarcir INSS por Brumadinho

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tweet
Compartilhar no linkedin
Publique
Compartilhar no whatsapp
Encaminhe
Compartilhar no email
Envie

Newsletter

Receba notícias por Whatsapp

Receba notícias pelo Telegram

A mineradora fechou acordo com a AGU (Advocacia-Geral da União), para que ocorra o ressarcimento do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) em R$ 129,5 milhões devido às despesas com vítimas do desastre de Brumadinho (MG) em janeiro de 2019.

O pagamento de tal recurso será feito em cota única, através da quitação de três GRUs (Guias de Recolhimento da União) já emitidas pelo INSS e todo o valor será recolhido aos cofres da autarquia federal.

O valor total em questão é equivalente aos gastos de 273 beneficiários entre pensões por morte, aposentadorias por invalidez; auxílios-doença e auxílios-acidente, etc destinados a funcionários da mineradora vítimas do desastre ou a dependentes.

Impacto: Marginalmente positivo. A Vale ainda possui obrigações relacionadas ao desastre de Brumadinho. A conclusão do acordo indica que a companhia vem cumprindo com seu compromisso de tentar ao máximo compensar seus danos. Além disso, o fato de o pagamento ocorrer em parcela única, elimina os riscos inerentes de a companhia não conseguir efetuá-lo por condições internas.

Advertência

Declaramos que o Portal Acionista.com.br não se responsabiliza pelas informações divulgadas neste site e qualquer outro canal, tanto referente às matérias de produção própria , quanto matérias ou análises produzidas por terceiros ou reproduzidas de links autorizados, publicados nas nossas páginas a partir de uma seleção criteriosa, porém sem garantir sua integralidade e exatidão.
Matérias e  análises produzidas por terceiros são de inteira responsabilidade dos mesmos. As informações, opiniões, sugestões, estimativas ou projeções referem-se a data presente e estão sujeitas à mudanças conforme as condições do mercado, sem prévio aviso.
Informamos, ainda, que o Acionista.com.br não faz qualquer recomendação de investimento e que, portanto, não se responsabiliza por perdas, danos, custos e lucros cessantes decorrentes de operações financeiras de qualquer tipo, enfatizando que as decisões sobre investimentos são pessoais.
Importante lembrar sempre: ganhos passados, não são garantia de ganhos futuros.

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Publicidade

Leia também

Destaques da bolsa ativos durante o pregão - das 10h as 17h - Fonte: Google Finance - delay aprox. de 20 min.

*Dados inativos fora do horário do pregão.