Gafisa anuncia venda de R$ 292 milhões no 4º trimestre

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tweet
Compartilhar no linkedin
Publique
Compartilhar no whatsapp
Encaminhe
Compartilhar no email
Envie

Newsletter

Tire dúvidas sobre investimentos

Receba notícias pelo Telegram

Em 2020, a Gafisa inaugurou um novo ciclo de crescimento, marcado pela disciplina, inovação e foco em resultados. Os esforços podem ser observados nos resultados operacionais do 4T20 e 2020 divulgados ao mercado hoje, 20 de janeiro, que demonstram a capacidade de entrega da companhia e seu potencial para a atingir a visão da Administração de recolocar a empresa em posição de liderança no mercado.

No ano de 2020, a Gafisa lançou R$ 898 milhões em VGV, considerado o melhor desempenho anual desde 2016. A retomada dos lançamentos em 2020 é consequência direta da estratégia de crescimento da companhia, tanto de maneira orgânica; quanto por meio de fusões e aquisições (M&A), uma vez que 67,5% destes lançamentos são oriundos de ativos adquiridos pela nova gestão via M&A.

Em termos de landbank, a empresa adquiriu um total de 14 terrenos em 2020, com um VGV potencial de R$ 2,1 bilhões; sendo que destes, aproximadamente 60% também são oriundos de operações de M&A.

No quarto trimestre, a Gafisa vendeu R$ 292 milhões, o que representa um crescimento de 103% na comparação com o 3T20 e o melhor desempenho trimestral em vendas desde o 2T18. Além disso, a companhia entregou no quarto trimestre cinco empreendimentos com um total de 831 unidades e R$ 403 milhões em VGV. Em 2020, a empresa entregou 12 empreendimentos com mais de 2 mil unidades e R$ 1,1 bilhão de VGV; todos dentro dos prazos repactuados com os clientes ao reiniciar as obras sob a nova gestão.

Lançamentos

A Gafisa lançou no 4T20 mais dois empreendimentos: o Cyano, recém adquirido da Calçada e já lançado pela Gafisa; um produto único de altíssimo padrão, localizado em um terreno de 10.000 m2 de frente para o mar na Barra da Tijuca; e o Parque Ecoville, localizado em Curitiba, que é a quarta e última fase de um empreendimento que teve início em 2010.

Vale ressaltar que a companhia lançou três empreendimentos no 3T20, após ficar dois anos sem lançamentos: o Chez Perdizes, um produto boutique voltado para a família na melhor localização de Perdizes; o Normandie, um empreendimento com design contemporâneo e localização de destaque em Moema; e o High Line Jardins, um projeto diferenciado de 66 m2 e duas suítes, uma tipologia com pouca oferta na região, e localizado em um dos mais nobres bairros de São Paulo.

Vendas

O desempenho de vendas no 4T20 com R$ 292 milhões representa mais que o dobro do 3T20 e reflete tanto as vendas dos lançamentos; quanto do estoque remanescente. “Um ponto a se destacar é o trabalho de reestruturação da equipe da Gafisa Vendas, que contava no 1T20 com um pouco mais de 40 corretores associados e, atualmente, é composta por aproximadamente 500 destes profissionais”, avalia o vice-presidente de Finanças e Gestão da Gafisa, Ian Andrade.

Entregas

O ano de 2020 foi marcado pela superação dos inéditos desafios decorrentes da pandemia da Covid-19. Durante o período, a Gafisa reforçou os cuidados com a saúde de seus funcionários, parceiros, clientes e comunidade em geral, além de manter a produtividade em seus canteiros de obras.

Banco de Terrenos

Em 2020, a Gafisa adquiriu 14 terrenos com VGV potencial de R$ 2,1 bilhões; sendo R$ 877 milhões adquiridos organicamente pela Gafisa e R$ 1,1 bilhão via transações de M&A.

Advertência

Declaramos que o Portal Acionista.com.br não se responsabiliza pelas informações divulgadas neste site e qualquer outro canal, tanto referente às matérias de produção própria , quanto matérias ou análises produzidas por terceiros ou reproduzidas de links autorizados, publicados nas nossas páginas a partir de uma seleção criteriosa, porém sem garantir sua integralidade e exatidão.
Matérias e  análises produzidas por terceiros são de inteira responsabilidade dos mesmos. As informações, opiniões, sugestões, estimativas ou projeções referem-se a data presente e estão sujeitas à mudanças conforme as condições do mercado, sem prévio aviso.
Informamos, ainda, que o Acionista.com.br não faz qualquer recomendação de investimento e que, portanto, não se responsabiliza por perdas, danos, custos e lucros cessantes decorrentes de operações financeiras de qualquer tipo, enfatizando que as decisões sobre investimentos são pessoais.
Importante lembrar sempre: ganhos passados, não são garantia de ganhos futuros.

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Leia também

Conheça o Painel Acionista: em um só lugar tudo o que você precisa saber sobre investimentos