MANHÃ DO MERCADO: Continuidade do aumento do balance sheet

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email

📈 CENÁRIO ECONÔMICO & MERCADOS

Resumindo a sessão de ontem: mercados voláteis tanto aqui, quanto no exterior e com foco em meados da sessão à ata da última reunião do FOMC, comitê de política monetária do Federal Reserve.

A ata da última reunião do FOMC trouxe alguns pontos importantes a serem notados, entre eles a assunção de que o aumento do balance sheet está fornecendo o apoio necessário ao crescimento econômico dos EUA, portanto, nada de redução este ano das compras mensais de US$ 120 bi.

Emitem sinais de que a economia está se recuperando de maneira robusta, mas poderá haver mudanças mais substanciais quando tais sinais se mostrarem totalmente sólidos e não somente movimentos de curto prazo, ou seja, isso pode levar um tempo.

Tudo isso contraria a visão menos dovish dos dotplots indicada nas projeções do Fed, divulgadas com o comunicado da última reunião e entre os pontos intrigantes, está a menção de que “condições desordeiras nos mercados de Treasuries são fonte de preocupação”.

Além disso, apesar da ata predominantemente dovish e “cheia de dedos” para sinalizar o fim dos estímulos; houve uma intensa discussão sobre a meta de inflação deste ano e se tais estímulos poderiam criar um impulso inflacionário.

Esperamos que o Fed comece a dar sinais mais concretos de possível alteração de política a partir do segundo semestre; quando os efeitos da vacinação em massa, o verão no hemisfério norte e os movimentos de commodities possam dar o tom mais claro de 2022.

Por enquanto, o tom mais “suave” da ata comparativamente ao comunicado garante a continuidade do aumento do balance sheet e uma política monetária estimulativa; combinada com os programas de estímulo fiscal por parte do tesouro americano.

Localmente, a volatilidade tem na política sua principal fonte, com Lira citando mais do que constantemente que o orçamento foi feito com anuência do ministério da economia e deve ser respeitado da forma que está, mesmo que signifique a quebra das regras das leis orçamentárias e que possa inclusive levar a um processo de impeachment.

Desde tom de brincadeira, até citações mais firmes; a situação orçamentária agora depende dos vetos de Bolsonaro e de como enfrentar as casas legislativas após tais feitos. Atenção hoje à ata do BCE, Powell. Guedes e RCN na agenda.

📊 ABERTURA DE MERCADOS

A abertura na Europa é positiva e os futuros NY abrem em alta, após mais um recorde das bolsas americanas.

Em Ásia-Pacífico, mercados positivos, após a leitura da ata do FOMC.

O dólar opera em queda contra a maioria das divisas centrais, enquanto os Treasuries operam negativos em todos os vencimentos.

Entre as commodities metálicas, altas, exceto minério de ferro. O petróleo abre em queda em Londres e Nova York, com crescimento inesperado dos estoques da gasolina nos EUA.

O índice VIX de volatilidade abre em baixa de -1,05%.

Receba conteúdos diariamente por e-mail

Infinity Asset

Infinity Asset

A Infinity é uma gestora de recursos independente que oferece soluções de investimentos alinhadas ao propósito de vida de seus clientes. Conheça mais sobre os conteúdos da asset em www.infinityasset.com.br/conteudo

Você pode se interessar por

Publicidade

Receba notícias pelo Telegram

Leia também

Tire dúvidas sobre investimentos

Últimas atualizações sobre

Advertência

Declaramos que o Portal Acionista.com.br não se responsabiliza pelas informações divulgadas neste site e qualquer outro canal, tanto referente às matérias de produção própria , quanto matérias ou análises produzidas por terceiros ou reproduzidas de links autorizados, publicados nas nossas páginas a partir de uma seleção criteriosa, porém sem garantir sua integralidade e exatidão.
Matérias e  análises produzidas por terceiros são de inteira responsabilidade dos mesmos. As informações, opiniões, sugestões, estimativas ou projeções referem-se a data presente e estão sujeitas à mudanças conforme as condições do mercado, sem prévio aviso.
Informamos, ainda, que o Acionista.com.br não faz qualquer recomendação de investimento e que, portanto, não se responsabiliza por perdas, danos, custos e lucros cessantes decorrentes de operações financeiras de qualquer tipo, enfatizando que as decisões sobre investimentos são pessoais.
Importante lembrar sempre: ganhos passados, não são garantia de ganhos futuros.

Já acessou o
Clube Acionista hoje?

A conexão certa para seus investimentos

Este site usa cookies e dados pessoais de acordo com os nossos Termos de Uso e Política de Privacidade e, ao continuar navegando neste site, você declara estar ciente dessas condições.