Publicidade

CM Capital indica uma carteira de FIIs com 12 ativos; veja

Imagem: Freepik

Para maio, a CM Capital incluiu mais dois novos ativos na carteira de FIIs conforme citam os analistas. “Recomendamos um portfólio com 12 ativos, divididos nos setores de escritórios (lajes corporativas e salas comerciais), de galpões logísticos, de shopping-centers, renda urbana (especificamente, varejo de rua), fundos de fundos imobiliários fundos de papéis (CRIs) e híbrido”.

Já os dois novos ativos da carteira recomendada de Fiis são: SPX SYN Multiestratégia (SPXS11) e o Plural Recebíveis Imobiliários (PLCR11), além da continuidade da manutenção do ativo CSHG Prime Offices (HGPO11).

De acordo com os analistas,  o investidor pode usufruir da diversificação tanto setorial, quanto em teses de investimento (ativos imobiliários de tijolo, dívida imobiliária (CRIs), fundos de fundos imobiliários) e de gestoras de investimentos alternativos.

Carteira de FIIs

BTLG11; CYCR11; FATN11; HGBS11; HGPO11; HGRU11; HSLG11; SNFF11; TRXF11; GARE11; SPXS11; PLCR11.

Acompanhe por aqui todas as recomendações de FIIs conforme o consenso, por aqui.

Publicidade

Este post está disponível na íntegra no Clube.Acionista

Picture of Cátia Chagas

Cátia Chagas

Editora e produtora de Conteúdo do Portal Acionista e Clube. Foco em mercado de capitais; empresas e ESG. Atua também em Jornalismo de Produto (certificada pelo Knight Center for Journalism in the Americas). Jornalista graduada PUCRS; Especialização em Comunicação Política pela UNISC; MBA em Comunicação e Marketing para Mídias Sociais na Universidade Estácio de Sá; Especialização em Gestão e Governança Corporativa aplicada a práticas ESG. Com passagem pelos veículos G1RS; GZH e Grupo Sinos.
Picture of Cátia Chagas

Cátia Chagas

Editora e produtora de Conteúdo do Portal Acionista e Clube. Foco em mercado de capitais; empresas e ESG. Atua também em Jornalismo de Produto (certificada pelo Knight Center for Journalism in the Americas). Jornalista graduada PUCRS; Especialização em Comunicação Política pela UNISC; MBA em Comunicação e Marketing para Mídias Sociais na Universidade Estácio de Sá; Especialização em Gestão e Governança Corporativa aplicada a práticas ESG. Com passagem pelos veículos G1RS; GZH e Grupo Sinos.

Advertência

Declaramos que o Portal Acionista.com.br não se responsabiliza pelas informações divulgadas neste site e qualquer outro canal, tanto referente às matérias de produção própria, quanto matérias ou análises produzidas por terceiros ou reproduzidas de links autorizados, publicados nas nossas páginas a partir de uma seleção criteriosa, porém sem garantir sua integralidade e exatidão. O conteúdo da publicação pode conter elementos de texto gerados por inteligencia artificial. Matérias e  análises produzidas por terceiros são de inteira responsabilidade dos mesmos. As informações, opiniões, sugestões, estimativas ou projeções referem-se a data presente e estão sujeitas à mudanças conforme as condições do mercado, sem prévio aviso. Informamos, ainda, que o Acionista.com.br não faz qualquer recomendação de investimento e que, portanto, não se responsabiliza por perdas, danos, custos e lucros cessantes decorrentes de operações financeiras de qualquer tipo, enfatizando que as decisões sobre investimentos são pessoais.
Importante lembrar sempre: ganhos passados, não são garantia de ganhos futuros.

Mais destaques

Onde investir em meio ao complexo cenário econômico atual?

Nos últimos dias o mercado de renda fixa apresentou oscilações significativas, refletindo a complexidade do cenário econômico atual. As taxas de juros futuros e reais tiveram movimentos variados, trazendo incertezas e oportunidades para investidores atentos. Um dos motivos para os movimentos foram os PMIs que revelaram um cenário econômico complexo.

Destaque até agora é dos fundos de ativos financeiros, diz Itaú BBA

Com o atual IFIX, as melhores performances setoriais do mês passado vieram dos fundos de fundos e dos fundos de ativos financeiros, como dito anteriormente, com FIIs de shoppings mostraram queda em maio.  No ano, para o Itaú BBA, o destaque de alta fica para os fundos de ativos financeiros

Como está o setor de Petróleo e quais as empresas mais recomendadas?

“O petróleo é nosso!” Não é bem assim. A volatilidade do mercado de commodities é uma característica natural, já falam os analistas. E ela tende a ser mais perigosa quando estes mercados são maiores e mais líquidos, pois neste caso, nos momentos mais tensos, as incertezas e os preços se

Libere todas as recomendações para investir

Mais lidas

Agendas
Análises
Carteiras
Recomendações
Recomendações (IA)
Análises Técnicas
Análises Fundamentalistas
Filtro de Oportunidades

Esse site usa cookies para personalizar o conteúdo, propagandas e acompanhar o tráfego de acordo com os nossos Termos de Uso e Política de Privacidade.