Publicidade
Publicidade
Publicidade

Turismo tem prejuízo de R$ 463,8 bi na pandemia; CNC vê alta de 22,5% em 2021

Data da publicação

“O Estado de S. Paulo” é o mais antigo dos jornais da cidade de São Paulo ainda em circulação . Em 4 de janeiro de 1875, ainda durante o Império, circulava pela primeira vez “A Província de S. Paulo” – seu nome original.

Data da publicação

As atividades turísticas já somam um prejuízo de R$ 463,8 bilhões desde o agravamento da pandemia do novo coronavírus no País, em março de 2020, até novembro de 2021, calcula a Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC). A tendência é de recuperação gradual, mas a nova onda de contaminações por covid-19 decorrente da disseminação da variante Ômicron deve frear o ritmo de retomada, avaliou o economista Fabio Bentes, responsável pelo levantamento da CNC.

Em novembro, a ociosidade da capacidade instalada do setor diminuiu, resultando na menor perda mensal de receitas desde o início da pandemia, R$ 10,3 bilhões, calculou Bentes.

Publicidade

“O aumento no número de casos de contaminação pela variante Ômicron, todavia, deve frear a recuperação do setor já a partir de dezembro e, sobretudo, a partir de janeiro de 2022. A queda na circulação de consumidores em áreas de comércio e serviços tem sido mais acentuada na primeira semana de 2022 (-7,1%) do que nos sete primeiros dias do ano passado (-6,3%). A rápida disseminação e predomínio da nova variante têm provocado o cancelamento de eventos relevantes da alta temporada do turismo brasileiro, em especial do carnaval, em diversas localidades. Até o início da crise sanitária, o evento movimentava R$ 8,1 bilhões no Brasil”, escreveu Bentes, em relatório.

A CNC prevê um crescimento de 22,5% para as atividades turísticas em 2021, seguido de aumento de 1,7% em 2022. O segmento teve um tombo de 36,6% em 2020, afetado pela crise sanitária. Segundo Bentes, o setor deve voltar a operar no nível do pré-crise sanitária apenas em setembro deste ano.

Do prejuízo acumulado na pandemia até novembro deste ano, mais da metade ficou concentrado nos Estados de São Paulo (R$ 199,9 bilhões) e Rio de Janeiro (R$ 57,1 bilhões).

O agregado especial de Atividades turísticas cresceu 4,2% em novembro ante outubro de 2021, segundo os dados da Pesquisa Mensal de Serviços, divulgados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). O resultado representa a sétima taxa positiva consecutiva, período em que acumulou um ganho de 57,5%. O segmento ainda opera 16,2% aquém do nível de fevereiro de 2020, no pré-pandemia.

Autor

“O Estado de S. Paulo” é o mais antigo dos jornais da cidade de São Paulo ainda em circulação . Em 4 de janeiro de 1875, ainda durante o Império, circulava pela primeira vez “A Província de S. Paulo” – seu nome original.

Receba informações do mercado financeiro no seu celular gratuitamente

Compartilhe esse post nas suas redes!

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email

Você pode se interessar por

Publicidade

Leia também

Publicidade

Advertência

Declaramos que o Portal Acionista.com.br não se responsabiliza pelas informações divulgadas neste site e qualquer outro canal, tanto referente às matérias de produção própria , quanto matérias ou análises produzidas por terceiros ou reproduzidas de links autorizados, publicados nas nossas páginas a partir de uma seleção criteriosa, porém sem garantir sua integralidade e exatidão. Matérias e  análises produzidas por terceiros são de inteira responsabilidade dos mesmos. As informações, opiniões, sugestões, estimativas ou projeções referem-se a data presente e estão sujeitas à mudanças conforme as condições do mercado, sem prévio aviso. Informamos, ainda, que o Acionista.com.br não faz qualquer recomendação de investimento e que, portanto, não se responsabiliza por perdas, danos, custos e lucros cessantes decorrentes de operações financeiras de qualquer tipo, enfatizando que as decisões sobre investimentos são pessoais.
Importante lembrar sempre: ganhos passados, não são garantia de ganhos futuros.

Publicidade

Telegram Acionista

Os principais destaques do mercado! A melhor cobertura.

Esse site usa cookies para personalizar o conteúdo, propagandas e acompanhar o tráfego de acordo com os nossos Termos de Uso e Política de Privacidade.