Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tweet
Compartilhar no linkedin
Publique
Compartilhar no whatsapp
Encaminhe
Compartilhar no email
Envie

Newsletter

Receba notícias por Whatsapp

Receba notícias pelo Telegram

Linx

Será essa afirmação realmente verdadeira?

Pode não parecer, mas é verdade. Tudo se resume em gastar!

Quando se fala em Educação Financeira a primeira coisa que se pensa, normalmente, é em quanto se ganha e em quanto se gasta. 

Muitos educadores, consultores e planejadores se esforçam e gastam horas para desenvolver e publicar conteúdos que explicam que a única forma de se construir uma situação financeira melhor e mais agradável para seu futuro é diminuindo gastos para poder poupar.

E apesar de isso ser completamente verdadeiro, o que talvez você nunca tenha ouvido falar é que na verdade, tudo se resume em gastar.

Isso porque você só ganha dinheiro com um propósito, único e exclusivo: gastar com aquilo que deseja. 

Ou você gasta hoje, onde se encontra o grande problema sobre o qual os especialistas ressaltam a necessidade de contenção para criar poupança, ou você gasta no futuro, que é onde está o grande objetivo para se construir patrimônio.

Porque gostamos de gastar?

É necessário entender que somos seres imediatistas, queremos desfrutar do prazer agora e não daqui a um, cinco, dez ou vinte anos. E isso porque essa característica, por assim dizer, vem escrita em nosso DNA. 

Trazemos esta herança evolutiva desde nossos ancestrais dos tempos das cavernas, afinal de contas foram aqueles que sobreviveram para que pudéssemos estar aqui hoje,  que se pouparam para não morrer de frio, comidos por um tigre dente de sabre ou de doenças. E foi esse ato de se poupar que nos tornou mais propensos ao conforto ao invés do esforço!

Os filósofos de outrora já diziam que somos movidos unicamente por dois estímulos: a dor e o prazer. Não necessariamente a dor física e nem o prazer corporal, mas em outras palavras, aquilo que gostamos e nos faz bem versus aquilo que não gostamos e queremos evitar. 

Dessa maneira, consumir é algo que gostamos, queremos e nos traz sensação de bem-estar na hora, pelo menos momentaneamente, até que percebamos os prejuízos que isso pode eventualmente nos causar. 

Já poupar é um sacrifício, um mal necessário para colher os frutos no futuro. Não gostamos e evitamos, é uma dor! Por isso nos é tão complicado e difícil de fazer.

Qual o segredo?

Mas no final das contas, ou iremos gastar hoje ou iremos gastar tendo uma melhor qualidade de vida no futuro. Seja comprando uma casa própria, um carro bom, poder pagar uma faculdade melhor para os filhos, viajar para onde desejarmos, deixar parte para nossos descendentes (que não deixa de ser um “gasto”) ou até mesmo tudo isso junto, entre outras tantas coisas que podemos querer. 

Mas para isso é fundamental “pagar o preço” agora. Sentir a dor e poupar parte do que você ganha para permitir esse, melhor viver, daqui há uns anos. Como diz a velha e sabia frase americana “No pain No gain”. 

Só nunca se esqueça que seu cérebro sempre irá querer o conforto em lugar do esforço e por essa razão você precisa se manter forte e determinado(a) para conseguir criar o hábito de se pagar primeiro, guardando parte do seu suado ganho, mas nem por isso viver de forma mesquinha, avarenta ou escassa pois isso também contribuirá diretamente para que desista, tão rápido quanto começou. 

Saber fazer boas escolhas é a decisão mais sábia que você realizar. Pense sempre se aquilo em que pensa gastar seu dinheiro agora, precisa realmente ser agora ou se há forma melhor para potencializar tanto seu prazer imediato como o seu ganho futuro. Veja, que no final, tudo se resume em gastar…

Te desejo boas escolhas e que você possa gastar muito. No futuro!

Advertência

Declaramos que o Portal Acionista.com.br não se responsabiliza pelas informações divulgadas neste site e qualquer outro canal, tanto referente às matérias de produção própria , quanto matérias ou análises produzidas por terceiros ou reproduzidas de links autorizados, publicados nas nossas páginas a partir de uma seleção criteriosa, porém sem garantir sua integralidade e exatidão.
Matérias e  análises produzidas por terceiros são de inteira responsabilidade dos mesmos. As informações, opiniões, sugestões, estimativas ou projeções referem-se a data presente e estão sujeitas à mudanças conforme as condições do mercado, sem prévio aviso.
Informamos, ainda, que o Acionista.com.br não faz qualquer recomendação de investimento e que, portanto, não se responsabiliza por perdas, danos, custos e lucros cessantes decorrentes de operações financeiras de qualquer tipo, enfatizando que as decisões sobre investimentos são pessoais.
Importante lembrar sempre: ganhos passados, não são garantia de ganhos futuros.

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Publicidade

Leia também

Destaques da bolsa ativos durante o pregão - das 10h as 17h - Fonte: Google Finance - delay aprox. de 20 min.

*Dados inativos fora do horário do pregão.

Especial Resultados 3T20 já disponível

Confira os relatórios e comentários sobre o desempenho das empresas neste trimestre.

Nossa missão é ajudar você a investir melhor com uma variedade de conteúdos, de diversas fontes. Acreditamos que quanto mais você se informa, melhor você decide!