Publicidade

Toyota diz que produzirá menos veículos que o previsto por falta de microchips

Data da publicação

Categoria

“O Estado de S. Paulo” é o mais antigo dos jornais da cidade de São Paulo ainda em circulação . Em 4 de janeiro de 1875, ainda durante o Império, circulava pela primeira vez “A Província de S. Paulo” – seu nome original.

Categoria

Data da publicação

A Toyota informou que sua previsão para produção de veículos no ano fiscal que termina em 31 de março “deve ser menor que a projeção anterior de 9 milhões de unidades”, por causa das dificuldades de conseguir microchips. A montadora japonesa disse que seu plano de produção para fevereiro deve ser de cerca de 700 mil unidades.

A empresa foi a que mais vendeu carros nos EUA ao longo do último ano. A Toyota afirma em comunicado que a demanda atual é “muito forte”. “Porém, devido ao impacto da demanda continuada por semicondutores em todos os setores, ajustamos nosso plano de produção em cerca de 150 mil unidades globalmente”, afirmou.

A companhia disse que continuará a avaliar a situação das partes de veículos relacionadas aos semicondutores e que considera o uso de substitutos, quando possível, a fim de se antecipar ao problema atual.

Autor

“O Estado de S. Paulo” é o mais antigo dos jornais da cidade de São Paulo ainda em circulação . Em 4 de janeiro de 1875, ainda durante o Império, circulava pela primeira vez “A Província de S. Paulo” – seu nome original.

Receba informações do mercado financeiro no seu celular gratuitamente

Compartilhe esse post nas suas redes!

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email

Você pode se interessar por

Publicidade

Leia também

Publicidade

Advertência

Declaramos que o Portal Acionista.com.br não se responsabiliza pelas informações divulgadas neste site e qualquer outro canal, tanto referente às matérias de produção própria , quanto matérias ou análises produzidas por terceiros ou reproduzidas de links autorizados, publicados nas nossas páginas a partir de uma seleção criteriosa, porém sem garantir sua integralidade e exatidão. Matérias e  análises produzidas por terceiros são de inteira responsabilidade dos mesmos. As informações, opiniões, sugestões, estimativas ou projeções referem-se a data presente e estão sujeitas à mudanças conforme as condições do mercado, sem prévio aviso. Informamos, ainda, que o Acionista.com.br não faz qualquer recomendação de investimento e que, portanto, não se responsabiliza por perdas, danos, custos e lucros cessantes decorrentes de operações financeiras de qualquer tipo, enfatizando que as decisões sobre investimentos são pessoais.
Importante lembrar sempre: ganhos passados, não são garantia de ganhos futuros.

Publicidade

Telegram Acionista

Os principais destaques do mercado! A melhor cobertura.

Esse site usa cookies para personalizar o conteúdo, propagandas e acompanhar o tráfego de acordo com os nossos Termos de Uso e Política de Privacidade.