Radar Empresas: Via Varejo, IPO da Méliuz e resultados

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tweet
Compartilhar no linkedin
Publique
Compartilhar no whatsapp
Encaminhe
Compartilhar no email
Envie

Newsletter

Tire dúvidas sobre investimentos

Receba notícias pelo Telegram

Via Varejo

Confira as notícias mais relevantes a respeito das principais empresas da bolsa de valores. No Radar Empresas de hoje temos Via Varejo, IPO da Méliuz e resultados de IRB Brasil, Itaú Unibanco e Minerva.

Via Varejo (VVAR3) inaugura centro de distribuição na região Norte

A Via Varejo inaugura hoje seu primeiro centro de distribuição (CD) na região Norte do País. Localizado em Marituba, região metropolitana de Belém (PA), esse é o 27º CD da companhia.

Desse modo, o centro logístico deve ser seguido de aberturas de lojas para dar seguimento à estratégia multicanal do e-commerce da companhia.

IPO da Méliuz sai a R$10 por ação, no piso da faixa estimada

Oferta inicial de ações (IPO, na sigla em inglês) da gestora de programas de fidelidade e cashback Méliuz saiu a 10 reais cada, no piso da faixa estimada pelos coordenadores, que ia até 12,50 reais por papel.

Portanto, segundo informações da Comissão de Valores Mobiliários (CVM) nesta terça-feira, a operação movimentou 367 milhões de reais com a venda de ações novas, cujos recursos irão para o caixa da companhia com sede em Minas Gerais ampliar seu marketplace, serviços financeiros e para aquisições de empresas.

IRB Brasil (IRBR3) registra prejuízo no 3T20

O ressegurador IRB Brasil registrou prejuízo de R$ 229,8 milhões no segundo trimestre, ante perda de R$ 19,7 milhões apurada em igual período de 2019.

Assim, em relação ao prejuízo obtido no segundo trimestre, de R$ 685,1 milhões, houve redução de 66,4%. Enfim, segundo a companhia, o resultado reflete a retomada do mercado segurador mesmo que a pandemia da Covid-19 não esteja superada.

⚠️Safra de balanços 3T20⚠️

A temporada dos Resultados Trimestrais já está a todo vapor, acesse a agenda de resultados do 3T20 do Portal Acionista. Além disso, conheça a importância de conhecer o desempenho das empresas. Acesse agora.

Itaú Unibanco (ITUB4) tem lucro menor no 3º tri e avalia cindir investimento na XP

O Itaú Unibanco teve queda de cerca no lucro do terceiro trimestre, refletindo maiores provisões para perdas com calotes devido aos efeito da Covid-19, e anunciou planos para possível cisão do investimento na XP.

Desse modo, o maior banco privado do país anunciou nesta terça-feira que teve lucro líquido recorrente de 5,03 bilhões de reais de julho a setembro, ante 7,16 bilhões um ano antes, mas acima da estimativa de 4,938 bilhões de reais compilada pela Refinitiv.

Minerva (BEEF3) tem lucro de R$58,3 mi no 3º tri

O frigorífico Minerva anunciou nesta terça-feira que teve lucro líquido de 58,3 milhões de reais no terceiro trimestre, ante prejuízo de 82,7 milhões na mesma etapa de 2019.

Ademais, a companhia apurou geração de caixa medida pelo lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda) de 554 milhões de reais, 21,9% acima do desempenho de um ano antes, com a margem passando de 10,1% para 10,8%.

Fonte: Necton, Terra Investimentos

A principal referência do mercado financeiro

Aqui no Acionista você tem a oportunidade de ler, comparar e decidir.

Trabalhamos em prol do investidor, aproximando em apenas um local diversas opiniões, sugestões e expectativas para o mercado.

Tempo é dinheiro. Poupamos seu tempo para que você foque no dinheiro.

Advertência

Declaramos que o Portal Acionista.com.br não se responsabiliza pelas informações divulgadas neste site e qualquer outro canal, tanto referente às matérias de produção própria , quanto matérias ou análises produzidas por terceiros ou reproduzidas de links autorizados, publicados nas nossas páginas a partir de uma seleção criteriosa, porém sem garantir sua integralidade e exatidão.
Matérias e  análises produzidas por terceiros são de inteira responsabilidade dos mesmos. As informações, opiniões, sugestões, estimativas ou projeções referem-se a data presente e estão sujeitas à mudanças conforme as condições do mercado, sem prévio aviso.
Informamos, ainda, que o Acionista.com.br não faz qualquer recomendação de investimento e que, portanto, não se responsabiliza por perdas, danos, custos e lucros cessantes decorrentes de operações financeiras de qualquer tipo, enfatizando que as decisões sobre investimentos são pessoais.
Importante lembrar sempre: ganhos passados, não são garantia de ganhos futuros.

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Leia também