CEA MODAS (CEAB3) – Proposta para retenção de parte dos dividendos aprovados

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email

A administração da Companhia apresentou aos seus acionistas, em 26 de maio de 2020, Proposta com a justificativa para a retenção do dividendo mínimo obrigatório.

A administração da C&A Modas propôs que, do valor de R$ 230.848.280,74, correspondentes à totalidade do dividendo obrigatório, R$ 162.002.106,89 seriam retidos e destinados à constituição de “Reserva Especial de Dividendos”, com base no artigo 202, parágrafos quarto e quinto, da Lei das Sociedades por Ações (“Reserva Especial de Dividendos”), para serem distribuídos quando a situação financeira da Companhia assim o permitir, se não absorvidos por prejuízos em exercícios subsequentes.

Justificativas para a decisão:

• Estágio atual de evolução da pandemia do Coronavírus;

• Medidas de distanciamento social, entre elas o fechamento de estabelecimentos comerciais e shopping centers, especialmente nas localidades onde foram registrados números mais expressivos de casos confirmados da doença;

• A Companhia atua essencialmente no segmento de varejo, um dos mais afetados pelas medidas que determinaram o fechamento dos estabelecimentos comerciais, no dia 22 de março de 2020, que fechou todas as lojas físicas da Companhia;

• Incertezas quanto à retomada completa das atividades de todos os estabelecimentos;

• Impacto significativo no faturamento e, consequentemente, no caixa da Companhia, apesar de, neste momento, não ser possível estimar o montante deste impacto.

No 1T20, a companhia registrou um prejuízo líquido de R$ 55,4 milhões.

Importante: A C&A encerrou o primeiro trimestre sem dívidas de curto e longo prazos e com caixa líquido de R$ 280,0 milhões. Mesmo assim a empresa teve um resultado financeiro negativo pela contabilização de perda cambial liquida e juros sobre arrendamento (IFRS). O resultado pró forma (sem IFRS) também foi negativo em R$ 45,9 milhões.

A decisão da companhia em se precaver sinaliza um 2T20 bem mais pressionado pela pandemia.

Receba conteúdos diariamente por e-mail

Planner

Planner

A Planner tem o compromisso de transformar oportunidades do mercado financeiro em resultados que adicionam valor ao patrimônio de pessoas e empresas. Conheça mais sobre os conteúdos da corretora em www.planner.com.br/conteudo/educacional

Você pode se interessar por

Publicidade

Receba notícias pelo Telegram

Leia também

Tire dúvidas sobre investimentos

Últimas atualizações sobre

Advertência

Declaramos que o Portal Acionista.com.br não se responsabiliza pelas informações divulgadas neste site e qualquer outro canal, tanto referente às matérias de produção própria , quanto matérias ou análises produzidas por terceiros ou reproduzidas de links autorizados, publicados nas nossas páginas a partir de uma seleção criteriosa, porém sem garantir sua integralidade e exatidão.
Matérias e  análises produzidas por terceiros são de inteira responsabilidade dos mesmos. As informações, opiniões, sugestões, estimativas ou projeções referem-se a data presente e estão sujeitas à mudanças conforme as condições do mercado, sem prévio aviso.
Informamos, ainda, que o Acionista.com.br não faz qualquer recomendação de investimento e que, portanto, não se responsabiliza por perdas, danos, custos e lucros cessantes decorrentes de operações financeiras de qualquer tipo, enfatizando que as decisões sobre investimentos são pessoais.
Importante lembrar sempre: ganhos passados, não são garantia de ganhos futuros.

Este site usa cookies e dados pessoais de acordo com os nossos Termos de Uso e Política de Privacidade e, ao continuar navegando neste site, você declara estar ciente dessas condições.