Procuradoria recomenda a portuários cancelar assembleia presencial

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tweet
Compartilhar no linkedin
Publique
Compartilhar no whatsapp
Encaminhe
Compartilhar no email
Envie

Newsletter

Tire dúvidas sobre investimentos

Receba notícias pelo Telegram

Autoridades trabalhistas ligadas ao Ministério Público do Trabalho e à Procuradoria Regional do Trabalho no Município de Santos (SP) editaram e publicaram neste domingo, 22, notificação recomendando ao Sindicato dos Trabalhadores de Santos não realizar amanhã, 23, a assembleia que deliberaria sobre o ato de greve da categoria.

A recomendação é para que o Sindicato recorra aos mecanismos “telemáticos” (canais de transmissão de informações à distância) para evitar aglomeração de pessoas neste momento em que as autoridades da saúde trabalham pela restrição de contatos sociais para que não se alimente a propagação do coronavírus.

A assembleia, prevista para ocorrer nesta segunda-feira na frente da sede do Sindicato dos Trabalhadores do Porto de Santos, por mais contraditório que possa parecer, tem por finalidade discutir os efeitos da pandemia da virose provocada pela covid-19 e os riscos de contaminação dos portuários. O ato estava previsto para ter início às 9 horas da manhã.

Advertência

Declaramos que o Portal Acionista.com.br não se responsabiliza pelas informações divulgadas neste site e qualquer outro canal, tanto referente às matérias de produção própria , quanto matérias ou análises produzidas por terceiros ou reproduzidas de links autorizados, publicados nas nossas páginas a partir de uma seleção criteriosa, porém sem garantir sua integralidade e exatidão.
Matérias e  análises produzidas por terceiros são de inteira responsabilidade dos mesmos. As informações, opiniões, sugestões, estimativas ou projeções referem-se a data presente e estão sujeitas à mudanças conforme as condições do mercado, sem prévio aviso.
Informamos, ainda, que o Acionista.com.br não faz qualquer recomendação de investimento e que, portanto, não se responsabiliza por perdas, danos, custos e lucros cessantes decorrentes de operações financeiras de qualquer tipo, enfatizando que as decisões sobre investimentos são pessoais.
Importante lembrar sempre: ganhos passados, não são garantia de ganhos futuros.

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Leia também

Conheça o Painel Acionista: em um só lugar tudo o que você precisa saber sobre investimentos