PPI fará estudos sobre atração de investimentos privados para setor de turismo

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tweet
Compartilhar no linkedin
Publique
Compartilhar no whatsapp
Encaminhe
Compartilhar no email
Envie

Newsletter

Tire dúvidas sobre investimentos

Receba notícias pelo Telegram

O Diário Oficial da União (DOU) publica decreto presidencial que qualifica no âmbito do Programa de Parcerias de Investimentos da Presidência da República (PPI) a política de atração de investimentos privados para o setor de turismo. O objetivo da iniciativa é possibilitar a elaboração de estudos de parcerias para a implementação de novos empreendimentos e o aproveitamento turístico de ativos culturais e naturais no País.

De acordo com o decreto, os estudos a serem realizados têm como finalidade buscar alternativas regulatórias para fomentar e promover a realização de investimentos privados no setor, conferir segurança jurídica e estabelecer prioridade aos investimentos e analisar os impactos socioeconômicos das alternativas regulatórias.

O ato também institui o Comitê Interministerial que acompanhará as atividades, será coordenado pela Secretaria Especial do PPI do Ministério da Economia e terá prazo para conclusão dos trabalhos de 180 dias, contado da data de contratação dos estudos. O prazo é prorrogável por igual período.

Advertência

Declaramos que o Portal Acionista.com.br não se responsabiliza pelas informações divulgadas neste site e qualquer outro canal, tanto referente às matérias de produção própria , quanto matérias ou análises produzidas por terceiros ou reproduzidas de links autorizados, publicados nas nossas páginas a partir de uma seleção criteriosa, porém sem garantir sua integralidade e exatidão.
Matérias e  análises produzidas por terceiros são de inteira responsabilidade dos mesmos. As informações, opiniões, sugestões, estimativas ou projeções referem-se a data presente e estão sujeitas à mudanças conforme as condições do mercado, sem prévio aviso.
Informamos, ainda, que o Acionista.com.br não faz qualquer recomendação de investimento e que, portanto, não se responsabiliza por perdas, danos, custos e lucros cessantes decorrentes de operações financeiras de qualquer tipo, enfatizando que as decisões sobre investimentos são pessoais.
Importante lembrar sempre: ganhos passados, não são garantia de ganhos futuros.

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Leia também

Conheça o Painel Acionista: em um só lugar tudo o que você precisa saber sobre investimentos