Publicidade

Potencial de Compra: Juros, Bolsa e expectativas para a semana

Tempo de leitura: ‍

Imagens Canva

Na última semana presenciamos o arrefecimento da curva de juros, dólar, bem como a melhora no sentimento sobre a Bolsa de Valores. Essa dinâmica pode abrir oportunidades interessantes para investidores atentos às mudanças econômicas.

Assim, olhando para a renda fixa, o diferencial entre os vencimentos de janeiro de 2026 e 2034 reduziu. No Tesouro Direto, os rendimentos dos títulos NTN-B, indexados à inflação, se consolidaram próximos a 6,30% ao ano, refletindo uma redução nas taxas de juros reais.

No mercado de crédito privado, os spreads das debêntures indexadas ao CDI diminuíram. Por outro lado, as debêntures isentas registraram aumento nos spreads (nota-se também pelos ajustes de preços dos FI-Infras).

O que poderia impactar a curva de juros?

Nos Estados Unidos, a inflação ao consumidor e ao produtor, a serem divulgadas nesta semana, serão cruciais para orientar as expectativas de mercado. Conforme o presidente do Federal Reserve destacou, a necessidade de mais dados para confirmar uma tendência de queda na inflação, prevendo que a meta de 2% pode ser atingida até 2025 ou 2026.

No Brasil, a divulgação do IPCA de junho e das pesquisas mensais do comércio e serviços fornecerão uma visão mais clara da economia. Dessa forma, a redução marginal na percepção de risco devido ao compromisso do governo com o arcabouço fiscal pode gerar um ambiente mais favorável para investimentos em renda fixa.

Dessa forma, invista em setores resilientes. Com o mercado de trabalho dos EUA ainda robusto, setores como tecnologia e saúde podem continuar como boas alternativas de investimento. Considere também os Títulos Públicos Brasileiros. Afinal, dada a projeção de manutenção da taxa Selic e as revisões nas expectativas de inflação, investir em títulos públicos indexados ao IPCA pode proporcionar rendimentos atrativos e proteção contra a inflação.

Os próximos dados econômicos serão cruciais para confirmar essas tendências e orientar as decisões dos investidores nos próximos meses.

Boletim Focus (08.07.24): Mais uma semana com projeção de IPCA subindo

Revisões dos dados e projeções do Boletim Focos. Divulgada todas as segundas-feiras pelo Banco Central do Brasil contendo resumo das expectativas de mercado a respeito de alguns indicadores da economia brasileira.

IPCA/24:ALTA de 4,00% para 4,02%
IPCA/25:ALTA de 3,87% para 3,88%
PIB/24:ALTA de 2,09% para 2,10%
PIB/25:QUEDA de 1,98% para 1,97%
CÂMBIO/24:continua em R$ 5,20
CÂMBIO/25:ALTA de R$5,19 para R$5,20
SELIC/24:continua em 10,50%
SELIC/25:continua em 9,50%
Fonte: Banco Central – Boletim Focus

Rendimentos dos títulos do Tesouro Direto

Alta volatilidade nos rendimentos dos títulos públicos impacta a rentabilidade anual, bem como o preço unitário (se a taxa sobe, o preço cai e vice-versa).

Em comparação com a semana anterior as alterações com maior destaque são:

TítuloTaxa de 01/08 a 08/07Preço de 01/08 a 08/07
Prefixado/31QUEDA de 12,17% para 12,46% hojeALTA de R$ 467,87 para R$ 476,78
IPCA+2029QUEDA de 6,39% para 6,36% hojeALTA de R$ 3.183,52 para 3.195,02
IPCA+2045QUEDA de 6,41% para 6,22% hojeALTA de R$ 1.183,44 para 1.204,75

Fonte: Tesouro Direto 08/07/2024

Quer saber quais as recomendações para investir na renda fixa? Veja as análises e sugestões conforme diversos analistas no Clube Acionista, por aqui.

Publicidade

Este post está disponível na íntegra no Clube.Acionista

Picture of Gustavo Guerses

Gustavo Guerses

Especialista em Investimentos e Gestão CEA; CFG e CGA pela Anbima, Corretor de Capitalização Seguros e Previdência pela ENS, Promotor de Crédito e Correspondente no País pela ANEPS e Conselheiro do Portal Acionista. Te ajudo a construir uma carteira de investimentos. Agende uma consulta aqui.
Wealth Manager CEA CEA
Picture of Gustavo Guerses

Gustavo Guerses

Especialista em Investimentos e Gestão CEA; CFG e CGA pela Anbima, Corretor de Capitalização Seguros e Previdência pela ENS, Promotor de Crédito e Correspondente no País pela ANEPS e Conselheiro do Portal Acionista. Te ajudo a construir uma carteira de investimentos. Agende uma consulta aqui.
Wealth Manager CEA CEA

Advertência

Declaramos que o Portal Acionista.com.br não se responsabiliza pelas informações divulgadas neste site e qualquer outro canal, tanto referente às matérias de produção própria, quanto matérias ou análises produzidas por terceiros ou reproduzidas de links autorizados, publicados nas nossas páginas a partir de uma seleção criteriosa, porém sem garantir sua integralidade e exatidão. O conteúdo da publicação pode conter elementos de texto gerados por inteligencia artificial. Matérias e  análises produzidas por terceiros são de inteira responsabilidade dos mesmos. As informações, opiniões, sugestões, estimativas ou projeções referem-se a data presente e estão sujeitas à mudanças conforme as condições do mercado, sem prévio aviso. Informamos, ainda, que o Acionista.com.br não faz qualquer recomendação de investimento e que, portanto, não se responsabiliza por perdas, danos, custos e lucros cessantes decorrentes de operações financeiras de qualquer tipo, enfatizando que as decisões sobre investimentos são pessoais.
Importante lembrar sempre: ganhos passados, não são garantia de ganhos futuros.

Mais destaques

Como alcançar R$500 mil com uma carteira diversificada

Investir na bolsa de valores brasileira, montar uma carteira diversificada que seja flexível aos cenários e suficiente para alcançar os objetivos demanda de alguns detalhes. Primeiramente, deve-se considerar uma relação de risco e retorno razoável junto com a chance de investir nos momentos mais adequados. Assim, você diminui o risco

Bradesco (BBDC4): vale comprar antes do 2T24?

O 1T24 do Bradesco (BBDC4) não decepcionou como no trimestre anterior. No geral, segundo o BTG Pactual, os números estavam alinhados com o que a administração havia indicado. O lucro ficou 4% e 9% acima da estimativa e do consenso atingindo R$ 4,2 bilhões (ROE de 10,5%), os NPLs melhoraram

Agenda macro nos Estados Unidos está cheia, afirma BTG

Um segundo semestre de agenda macro cheia nos Estados Unidos. De eleições a possível início do ciclo do corte de juros, os analistas do BTG Pactual antecipam que o mercado continuará a “operar com volatilidade no segmento de juros, exigindo maior seletividade na escolha de duration, geografia e risco de

Libere todas as recomendações para investir

Mais lidas

Agendas
Análises
Carteiras
Recomendações
Recomendações (IA)
Análises Técnicas
Análises Fundamentalistas
Filtro de Oportunidades

Esse site usa cookies para personalizar o conteúdo, propagandas e acompanhar o tráfego de acordo com os nossos Termos de Uso e Política de Privacidade.