5 passos fundamentais para se poupar dinheiro

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tweet
Compartilhar no linkedin
Publique
Compartilhar no whatsapp
Encaminhe
Compartilhar no email
Envie

Newsletter

Receba notícias por Whatsapp

Receba notícias pelo Telegram

poupar

Para poupar comece se conhecendo

O ato de poupar dinheiro necessita de disciplina para que possa ser possível a construção de patrimônio ao longo da vida. 

Embora isso pareça fácil, na prática é bem mais complicado.

Poupar significa abrir mão do prazer imediato para que se obtenha esse prazer no futuro e não gostamos disto.

Queremos as coisas boas agora e deixamos aquilo que nos incomoda para depois. Nosso cérebro é programado desta forma, por isso é necessário muita disciplina e força de vontade para se poupar regularmente.

Além de saber disso, para poder se policiar e tomar atitudes que te ajudem, existem 5 passos.

Se estes passos forem seguidos utilizando desta disciplina, permitirão construir poupança e assim, poder preparar a sua independência financeira.

⠀⠀⠀⠀
1️. Conheça seus próprios números

Quem conhece seus números é capaz de gastar menos do que ganha.

A maioria das pessoas desorganizadas financeiramente acumulam dívidas pois não conhecem suas despesas, gastam mais do que podem e não conseguem reter recursos.

A realização de um diagnóstico financeiro permite conhecer hábitos e costumes e assim se planejar para gastar menos. 


2. Elimine suas dívidas

Quem gasta menos do que ganha é capaz de eliminar as dívidas. 

Com a consciência adquirida no diagnóstico e adotando um orçamento para controlar as finanças, é possível salvar parte do dinheiro. Com isso, pode-se negociar e quitar as dívidas para iniciar uma nova fase de vida.


3️. Comece a guardar dinheiro

Quem elimina dívidas é capaz de guardar dinheiro. 

Neste momento já é possível poupar, pois existe uma disciplina financeira e um orçamento base para a utilização da renda existente. E uma vez que é possível formar poupança, é possível multiplicar estes recursos através de aplicações financeiras.

4. Automatize para não cair em tentações

Quem se previne, diminui os riscos e atinge metas. 

Com vimos, se confiarmos somente na nossa “boa vontade” de poupar regularmente, corremos o risco de sucumbirmos aos desejos de consumo e assim gastar o que não devíamos, incorrendo no risco de não conseguir guardar o dinheiro que nos comprometemos, e no pior cenário, voltar ao endividamento.

Para evitar esta armadilha, procure programar aplicações automáticas em seu banco ou corretora.

Todo mês, no dia determinado, o valor que decidiu aportar é retirado automaticamente de sua conta e transferido para seus investimentos. Isto evita que seu comportamento sabote sua estratégia.


5. Multiplique seus recursos

Quem guarda dinheiro constrói sua independência financeira e pode oferecer mais conforto a si e aos familiares.

Os valores de aporte mensal que são poupados (graças a um orçamento inteligente) são investidos e multiplicados no longo prazo.

A partir daí ,com o poder dos juros sobre juros, estabelece-se o desenvolvimento de uma estratégia de enriquecimento objetivando a independência financeira e um padrão de vida confortável no futuro.

Seguindo estes passos simples, mas não necessariamente fáceis de se aplicar, certamente será possível realizar uma transformação em sua vida financeira. 

Comece poupando pouco, se acostume, crie o hábito e depois vá aumentando ao longo do tempo. Não queira ser muito arrojado de inicio porque a possibilidade de desistência nestes casos é bem maior, acredite, pois já vi isso acontecer diversas vezes.

O importante é dar os primeiros passos e começar. A partir daí, você vai ficando cada dia melhor e, desta maneira, desenvolvendo seus conhecimentos e subindo degrau por degrau.

Aproveite, e saiba mais sobre orçamento inteligente, clicando aqui.

Se precisar de ajuda, fale comigo e ficarei muito feliz em poder te ajudar na sua jornada rumo à sua independência financeira.

Advertência

Declaramos que o Portal Acionista.com.br não se responsabiliza pelas informações divulgadas neste site e qualquer outro canal, tanto referente às matérias de produção própria , quanto matérias ou análises produzidas por terceiros ou reproduzidas de links autorizados, publicados nas nossas páginas a partir de uma seleção criteriosa, porém sem garantir sua integralidade e exatidão.
Matérias e  análises produzidas por terceiros são de inteira responsabilidade dos mesmos. As informações, opiniões, sugestões, estimativas ou projeções referem-se a data presente e estão sujeitas à mudanças conforme as condições do mercado, sem prévio aviso.
Informamos, ainda, que o Acionista.com.br não faz qualquer recomendação de investimento e que, portanto, não se responsabiliza por perdas, danos, custos e lucros cessantes decorrentes de operações financeiras de qualquer tipo, enfatizando que as decisões sobre investimentos são pessoais.
Importante lembrar sempre: ganhos passados, não são garantia de ganhos futuros.

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Nossa missão é ajudar você a investir melhor com uma variedade de conteúdos, de diversas fontes. Acreditamos que quanto mais você se informa, melhor você decide!