Publicidade

O IPO do Nubank e as dúvidas do investidor sobre BDR

Data da publicação

Marcos Vinicius Pereira é Graduado em Comunicação Social -Publicidade e Propaganda pela Faculdade São Francisco de Assis e faz parte da equipe Acionista desde Setembro de 2019.

Data da publicação

Com a proximidade do IPO do Nubank na bolsa de Nova York (NYSE) as dúvidas tem surgido entre investidores interessados e os usuários do roxinho que receberam convites via App para se tornarem sócios do banco.

A estratégia usada pelo banco digital para atrair investidores pode despertar o interesse pelo mercado financeiro em pessoas que nunca investiram.

Ai começam a surgir questionamentos sobre o IPO do Nubank, já que muitos sequer imaginavam que essa modalidade de investimento existia.

Publicidade

Os BDRs foram liberados a pouco tempo para todos os tipos de investidor e ainda são uma novidade.

O Banco Inter maior concorrente do Nubank também anunciou sua migração para a bolsa americana abrindo capital na Nasdaq. Neste caso os investidores que tem ações na B3 poderão escolher entre receber o valor das ações ou trocá-las por BDRs.

Mas afinal o que são BDRs ?

BDRs (Brazilian Depositary Receipt) são recibos de ações não negociadas no Brasil e se parecem com os talões de cheques que eram usados antigamente, são papéis que representam ações que são negociadas no exterior.

Até pouco tempo estavam disponíveis apenas para Investidores Qualificados que são os que possuem mais de R$ 1 milhão em investimentos no mercado financeiro. Atualmente pequenos investidores também podem adquiri-las.

Para investir no Nubank após o IPO o sistema é semelhante ao das ações, basta entrar no home broker e digitar o código NUBR33, a numeração final indica que é um BDR e ao emitir a ordem de compra a empresa entrará em sua carteira.

Quais são os tipos de BDR?

O IPO do Nubank é um caso de BDR patrocinado onde a própria empresa com capital aberto no exterior possui interesse em negociar os recibos no Brasil.

A empresa deve seguir as normas da Comissão de Valores Mobiliários (CVM) e é a responsável por distribuir aos investidores as informações sobre a negociação.

Publicidade

Os BDRs patrocinados são classificados em nível I, II e III.

O nível I é somente para investidores qualificados e é dispensado o registro na CVM e devem ser negociados em mercados de balcão não organizado ou em outros segmentos da bolsa destinados para isso.

Os níveis II e III precisam do registro na CVM e podem ser negociados livremente na bolsa a diferença entre eles está no tipo de oferta.

Enquanto o nível 2 pode ser distribuído por oferta pública restrita, o nível 3 deve ser realizado necessariamente por uma oferta pública, inclusive com uma ampla participação, como acontece nos casos de Nubank e Banco Inter.

Os BDRs não patrocinados são os mais comuns entre os disponíveis na B3.

Esses são os que a iniciativa de lançar os certificados na bolsa não partiu da empresa de origem das ações.

Assim, as instituições depositárias brasileiras são quem devem adquirir os papéis internacionais, buscando também realizar o processo de custodiar os ativos e emitir os BDRs.

O IPO do Nubank despertou seu interesse por BDRs, tire suas dúvidas aqui!


Encontre o que você precisa

Personalize da forma que achar melhor e tenha o seu acesso conforme a sua preferência:

Publicidade

A cobertura completa para atrair bons investimentos

Em pouco cliques, customize quais assuntos você quer que apareçam na sua home.

Salve conteúdos para ler quando quiser e não perca nenhuma atualização.

Tudo isso pelo Meu Feed, no Clube Acionista.

A transparência para as suas decisões de investimentos.

Encontre relatórios de instituições concorrentes, compare entre as sugestões e deixe de ter que se cadastrar em cada canto da internet para receber suas notificações preferidas.

Conheça o Clube Acionista, a plataforma que reúne diversos especialistas do mercado em um só lugar. A facilidade de não precisar sair procurando por boa informação em diferentes canais.

APROVEITE!

Autor

Marcos Vinicius Pereira é Graduado em Comunicação Social -Publicidade e Propaganda pela Faculdade São Francisco de Assis e faz parte da equipe Acionista desde Setembro de 2019.

Receba informações do mercado financeiro no seu celular gratuitamente

Compartilhe esse post nas suas redes!

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email

Você pode se interessar por

Publicidade

Leia também

Publicidade

Advertência

Declaramos que o Portal Acionista.com.br não se responsabiliza pelas informações divulgadas neste site e qualquer outro canal, tanto referente às matérias de produção própria , quanto matérias ou análises produzidas por terceiros ou reproduzidas de links autorizados, publicados nas nossas páginas a partir de uma seleção criteriosa, porém sem garantir sua integralidade e exatidão. Matérias e  análises produzidas por terceiros são de inteira responsabilidade dos mesmos. As informações, opiniões, sugestões, estimativas ou projeções referem-se a data presente e estão sujeitas à mudanças conforme as condições do mercado, sem prévio aviso. Informamos, ainda, que o Acionista.com.br não faz qualquer recomendação de investimento e que, portanto, não se responsabiliza por perdas, danos, custos e lucros cessantes decorrentes de operações financeiras de qualquer tipo, enfatizando que as decisões sobre investimentos são pessoais.
Importante lembrar sempre: ganhos passados, não são garantia de ganhos futuros.

Publicidade
Publicidade

Telegram Acionista

Os principais destaques do mercado! A melhor cobertura.

Esse site usa cookies para personalizar o conteúdo, propagandas e acompanhar o tráfego de acordo com os nossos Termos de Uso e Política de Privacidade.