Publicidade
Publicidade

Modalmais: Ômicron segue no radar dos investidores

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email

Ontem, os mercados tiveram um dia de boa recuperação, depois da queda acentuada da última sexta-feira e falas positivas durante o final de semana de infectologistas espalhados pelo mundo sobre a variante Ômicron da covid-19. A Bovespa encerrou com alta de 0,58% e índice em 102.814 pontos, dólar cotado a R$ 5,61 (+0,25%), Dow Jones com alta de 0,68% e Nasdaq com +1,88%.

Mas isso durou pouco e, hoje, a Ômicron volta ao radar dos investidores com preocupação sobre as vacinas não serem tão eficazes contra a nova variante, encontrada na África do Sul.

Resultado disso, Bolsas da Ásia terminando o dia com quedas, Europa bem negativa neste início de manhã e futuros do mercado americano na mesma direção. Aqui, seguimos com a leitura e alerta de que não deveríamos perder as faixas de 102.000 e 100.000 pontos do Ibovespa, sob pena de maior precipitação vendedora e queda até os arredores de 93.000 pontos (possível).

Na China, durante a madrugada, foi anunciado o PMI industrial de novembro em alta para 50,1 pontos, quase na fronteira entre contração e expansão (em 50 pontos), mas vindo de anterior em 49,6 pontos. Já na Turquia, o PIB do terceiro trimestre, contra igual período de 2020, expandiu 7,4% e, na Itália, na mesma base de comparação, houve alta de 3,9%. Na França, o PIB do terceiro trimestre registrou alta de 3% e já está próximo do nível pré-pandemia.

Na zona do euro, a inflação medida pelo CPI (consumidor) de novembro ficou em 4,9% na comparação anual e o núcleo em 2,6%, quando o previsto era +2,3%. Inflação bem alta por lá, mas a aposta do BCE (BC europeu) é de que vai arrefecer em 2022.

No mercado internacional, o petróleo WTI, negociado em NY, mostra queda de 3,55%, com o barril cotado a US$ 67,47. O euro mostrava alta forte para US$ 1,136 e notes americanos de 10 anos com taxa de juros em queda também forte para 1,43%, com investidores buscando proteção. O ouro e a prata tinham altas na Comex, e commodities agrícolas com desempenho negativo na Bolsa de Chicago.

Aqui, a Anvisa faz reunião com o governo para estudar novas restrições e uso de passaporte vacinal. Já na área política, ontem, o Congresso aprovou o projeto que regulamenta o orçamento secreto, mas com limite das emendas do relator no valor das emendas impositivas. Já a transparência cobrada pelo STF ficou só para a partir de 2022.

O Refis virou instrumento de barganha para aprovação da PEC dos precatórios, com votação prevista para hoje, e pode significar o perdão de dívidas de cerca de R$ 60 bilhões. Já o candidato Doria quer Henrique Meirelles em sua campanha presidencial, e Geraldo Alckmin sinalizou para vice de Lula.

Na agenda do dia, teremos dados da PNAD contínua no trimestre encerrado em setembro, a nota de política fiscal de outubro e a votação da PEC dos precatórios. Nos EUA, a confiança do consumidor do Conference Board de novembro e discursos de dirigentes do FED, incluindo Jerome Powell e Janet Yellen no Congresso americano. Expectativa de Bovespa em queda e dólar e juros fortes.

Modalmais

Publicidade

Os ativos mais recomendados e vantajosos no mercado imobiliário

Modalmais

Modalmais

Modalmais é um banco de investimentos brasileiro. Trabalha com médios e pequenos investidores sobretudo através de sua plataforma digital Modalmais. Conheça mais sobre os conteúdos do banco em www.modalmais.com.br/blog

Você pode se interessar por

Acionista consome. Acionista investe.

Você como Acionista, consome da
empresa que investe?

Receba notícias pelo Telegram

Publicidade

Publicidade
Publicidade

Advertência

Declaramos que o Portal Acionista.com.br não se responsabiliza pelas informações divulgadas neste site e qualquer outro canal, tanto referente às matérias de produção própria , quanto matérias ou análises produzidas por terceiros ou reproduzidas de links autorizados, publicados nas nossas páginas a partir de uma seleção criteriosa, porém sem garantir sua integralidade e exatidão. Matérias e  análises produzidas por terceiros são de inteira responsabilidade dos mesmos. As informações, opiniões, sugestões, estimativas ou projeções referem-se a data presente e estão sujeitas à mudanças conforme as condições do mercado, sem prévio aviso. Informamos, ainda, que o Acionista.com.br não faz qualquer recomendação de investimento e que, portanto, não se responsabiliza por perdas, danos, custos e lucros cessantes decorrentes de operações financeiras de qualquer tipo, enfatizando que as decisões sobre investimentos são pessoais.
Importante lembrar sempre: ganhos passados, não são garantia de ganhos futuros.

Publicidade

Parabéns!
Cupom de Desconto Descoberto!

Cupom: BEMVINDO10

Participe do Telegram Acionista!

Receba informações do mercado financeiro gratuitamente.

Não vá embora ainda!

Conheça nosso Clube exclusivo e gratuito

Esse site usa cookies para personalizar o conteúdo, propagandas e acompanhar o tráfego de acordo com os nossos Termos de Uso e Política de Privacidade.