Modalmais: EUA- Vendas no varejo (julho)

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tweet
Compartilhar no linkedin
Publique
Compartilhar no whatsapp
Encaminhe
Compartilhar no email
Envie

Newsletter

Receba notícias por Whatsapp

Receba notícias pelo Telegram

Necton

Bottom line:

  • As vendas no varejo nos EUA apresentaram variação de 1.2% no mês de julho, abaixo do esperado pelo mercado (2.1%), mas com revisão significativa no mês anterior de 7.5% para 8.4%.
  • A trajetória da atividade econômica nos EUA seguirá permeada por incerteza (de saúde, atividade e fiscal), sugerindo argumento necessário e suficiente para que o FED mantenha a postura de política monetária expansionista. Esperamos implementação de forward guidance na reunião de setembro.

Comentário:

As vendas no varejo nos EUA apresentaram variação de 1.2% no mês de julho, abaixo do esperado pelo mercado (2.1%), mas com revisão significativa no mês anterior de 7.5% para 8.4%.

O índice de controle variou 1.4% (esperado: 0.8%, anterior revisto de 5.6% para 6.0%). Na variação anual, o índice de controle cresceu impressionantes 8%.

Em termos de nível, o índice apresenta forte recuperação ao longo dos últimos três meses.

Por dentro, nota-se o terceiro mês consecutivo de forte crescimento de eletrônicos (+22.9% no mês), mas que ainda apresentam queda na comparação anual (-2.3%). Estes gastos parecem vinculados ao isolamento social e adoção de home office.

Já gastos de eating & drinking também avançaram pelo terceiro mês consecutivo, ainda que em ritmo menor do que o que prevalecia anteriormente (+5%). Na variação mensal, estes dois setores contribuíram com 0.34% e 0.49% para o índice, respectivamente.

Ainda no campo positivo, destaque para vendas em postos de gasolina contribuíram positivamente com 0.41% na variação do índice.

Por outro lado, vehicles and parts contribuíram com -0.25% para o índice (queda de -1.2% no mês), enquanto building materials representaram outros -0.20% após dois meses de contribuição positiva.

Vemos, portanto, a continuação do forte movimento de retomada do consumo, mas relacionado a fatores vinculados a pandemia. Soma-se ainda a incerteza em relação aos programas de suporte a renda implementados pelo governo (apesar das medidas executivas de Trump na semana passada).

A trajetória da atividade econômica nos EUA seguirá permeada por incerteza (de saúde, atividade e fiscal), sugerindo argumento necessário e suficiente para que o FED mantenha a postura de política monetária expansionista. Esperamos implementação de forward guidance na reunião de setembro.

Felipe Sichel
Estrategista do banco digital modalmais
Fonte: https://www.modalmais.com.br/blog

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Publicidade

Leia também

Destaques da bolsa ativos durante o pregão - das 10h as 17h - Fonte: Google Finance - delay aprox. de 20 min.

*Dados inativos fora do horário do pregão.

Por: Nelson Tucci

Toda segunda-feira

Por: Nelson Tucci

Toda segunda-feira