Meirelles diz que há dificuldades para implementação de medidas por parte do BC

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tweet
Compartilhar no linkedin
Publique
Compartilhar no whatsapp
Encaminhe
Compartilhar no email
Envie

Newsletter

Receba notícias por Whatsapp

Receba notícias pelo Telegram

O secretário da Fazenda do Estado de São Paulo, Henrique Meirelles, criticou a demora dos repasses do governo federal para as medidas de estímulo à economia do Estado. Segundo Meirelles, os repasses de recursos do Banco Central, por meio do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) e do Sistema Financeiro “tem limitações devido à complexidade do trajeto”, mas que “isso precisa ser acelerado”. De acordo com o secretário “há um problema de implementação”.

Segundo Meirelles, o Estado teria um aporte de R$ 1,5 bilhão para a realização de medidas que garantiriam o padrão de consumo das famílias e a liquidez de empresas, porém, “por razões não compreensíveis, o BNDES se recusou a fazer o repasse para o Banco Desenvolve São Paulo”. “O Estado depende de repasses de recursos federais”, disse o secretário.

“Este é o momento de proteger empregos e salvar a economia e não de fazer política”, completou Meirelles durante entrevista coletiva no Palácio dos Bandeirantes.

Advertência

Declaramos que o Portal Acionista.com.br não se responsabiliza pelas informações divulgadas neste site e qualquer outro canal, tanto referente às matérias de produção própria , quanto matérias ou análises produzidas por terceiros ou reproduzidas de links autorizados, publicados nas nossas páginas a partir de uma seleção criteriosa, porém sem garantir sua integralidade e exatidão.
Matérias e  análises produzidas por terceiros são de inteira responsabilidade dos mesmos. As informações, opiniões, sugestões, estimativas ou projeções referem-se a data presente e estão sujeitas à mudanças conforme as condições do mercado, sem prévio aviso.
Informamos, ainda, que o Acionista.com.br não faz qualquer recomendação de investimento e que, portanto, não se responsabiliza por perdas, danos, custos e lucros cessantes decorrentes de operações financeiras de qualquer tipo, enfatizando que as decisões sobre investimentos são pessoais.
Importante lembrar sempre: ganhos passados, não são garantia de ganhos futuros.

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Publicidade

Leia também

Destaques da bolsa ativos durante o pregão - das 10h as 17h - Fonte: Google Finance - delay aprox. de 20 min.

*Dados inativos fora do horário do pregão.

Especial Resultados 3T20 já disponível

Confira os relatórios e comentários sobre o desempenho das empresas neste trimestre.