Gol tem prejuízo de R$ 1,997 bilhões no 2º trimestre, com impacto da covid-19

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tweet
Compartilhar no linkedin
Publique
Compartilhar no whatsapp
Encaminhe
Compartilhar no email
Envie

Newsletter

Receba notícias por Whatsapp

Receba notícias pelo Telegram

A companhia aérea Gol reportou prejuízo líquido antes da participação minoritária de R$ 1,997 bilhão no segundo trimestre de 2020. O valor representa uma ampliação significativa do resultado negativo de igual trimestre do ano anterior, de R$ 120,8 milhões. A empresa destacou que o período foi duramente castigado pela pandemia do covid-19.

Descontando variações cambiais e monetárias, a empresa reportou prejuízo líquido no período de R$ 771,8 milhões, contra o prejuízo de R$ 2,1 milhões (também ajustado) do segundo trimestre de 2019.

O Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) ajustado no trimestre fechou em R$ 99 milhões, queda de 88% na comparação com igual trimestre do ano anterior. A margem Ebitda foi de 27,7%, queda de 1,8 ponto porcentual no período.

A receita líquida foi R$ 358 milhões, uma queda de 89% em relação ao segundo trimestre de 2019. A empresa, entretanto, sinalizou que a receita apresentou recuperação. Em abril, a linha ficou em R$ 104,3 milhões e terminou com R$ 164,1 milhões em junho, crescimento de 57%. As outras receitas (cargas e fidelidade) totalizaram R$ 115 milhões, redução de 37% no ano.

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Publicidade

Leia também

Destaques da bolsa ativos durante o pregão - das 10h as 17h - Fonte: Google Finance - delay aprox. de 20 min.

*Dados inativos fora do horário do pregão.

Agruras e expectativas da reforma tributária

Por: Nelson Tucci

Toda segunda-feira

Agruras e expectativas da reforma tributária

Por: Nelson Tucci

Toda segunda-feira