Gasolina tem aumento de 0,94% em outubro ante setembro, mostra IPTL

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tweet
Compartilhar no linkedin
Publique
Compartilhar no whatsapp
Encaminhe
Compartilhar no email
Envie

Newsletter

Receba notícias por Whatsapp

Receba notícias pelo Telegram

De acordo com o Índice de Preços Ticket Log (IPTL), divulgado nesta quarta-feira, 28, a gasolina registrou aumento de 0,94% em outubro frente ao mês passado, continuando uma tendência de alta verificada desde o mês de maio. Atualmente, o valor médio do combustível vendido nos postos do Brasil é de R$ 4,591.

No acumulado do ano, de janeiro a outubro, o preço do combustível chegou a variar quase 18%, tendo seu pico em janeiro, quando alcançou R$ 4,728, e o valor mais baixo apresentado em maio, R$ 4,005.

Desde a retomada das atividades com a flexibilização das medidas de isolamento social os preços vêm voltando a patamares similares aos do ano passado, quando em outubro de 2019, o litro do combustível apresentava a média de R$ 4,564.

Em outubro, o combustível apresentou aumento em todas as regiões brasileiras, chegando a 1,63% de crescimento na Região Centro-Oeste, onde apresentou seu valor mais caro, R$ 4,685.

Já o Sul sofreu a menor alta, de 0,5% e fechou o mês em 4,386. O levantamento aponta que abastecer veículos com gasolina ficou cerca de 6% mais barato no Sul do que no Centro-Oeste durante o mês de outubro.

Advertência

Declaramos que o Portal Acionista.com.br não se responsabiliza pelas informações divulgadas neste site e qualquer outro canal, tanto referente às matérias de produção própria , quanto matérias ou análises produzidas por terceiros ou reproduzidas de links autorizados, publicados nas nossas páginas a partir de uma seleção criteriosa, porém sem garantir sua integralidade e exatidão.
Matérias e  análises produzidas por terceiros são de inteira responsabilidade dos mesmos. As informações, opiniões, sugestões, estimativas ou projeções referem-se a data presente e estão sujeitas à mudanças conforme as condições do mercado, sem prévio aviso.
Informamos, ainda, que o Acionista.com.br não faz qualquer recomendação de investimento e que, portanto, não se responsabiliza por perdas, danos, custos e lucros cessantes decorrentes de operações financeiras de qualquer tipo, enfatizando que as decisões sobre investimentos são pessoais.
Importante lembrar sempre: ganhos passados, não são garantia de ganhos futuros.

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email