Publicidade
Publicidade

Entenda o Porquê da Valorização da Azul (AZUL4)

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
Ágora

A AZUL4 é uma das principais ações com negociação na Bolsa de Valores. Porém, em 2020, sofreu uma enorme queda por conta da pandemia do coronavírus. Afinal, com as restrições de deslocamento, a empresa quase não podia realizar voos, e poucas pessoas se interessavam em investir no setor.

Porém, quem acompanha os movimentos da Bolsa sabe que, no primeiro semestre de 2021, as ações da empresa voltaram a crescer. Antes de pensar em investir nelas, porém, é interessante conhecer mais sobre o cenário e o que pode estar causando essa valorização.

Então, continue lendo para descobrir:

Publicidade

Acesse todas as carteiras, além de agendas e análises de mercado completas

Publicidade




  • o que é AZUL4;
  • o que causou a valorização da AZUL4;
  • a AZUL4 e o setor de viagens e turismo vão continuar crescendo?

O que é AZUL4

AZUL4 é a identificação no mercado de ações para a empresa Azul S/A, uma companhia aérea que realiza voos nacionais e internacionais. Fundada por David Neeleman, a empresa começou a operar em 2008 e, em pouco tempo, tornou- se uma das principais linhas de todo o país.

Por conta disso, suas ações sempre foram bastante procuradas pelos investidores. Até 2019, para trazer uma visão do mercado antes da pandemia, a Azul tinha uma média de 916 decolagens diárias, atendendo cerca de 120 destinos. 

Também era considerada a terceira maior companhia aérea do Brasil, e seu programa de fidelidade, Tudo Azul, tinha 12 milhões de inscritos.

Publicidade

Combine análises, day trade, swing trade e muito mais

Porém, em 2020, todo o setor de aviação sofreu um grande baque. A média de voos diários caiu para 600, representando apenas 68% da capacidade das companhias aéreas. Desta forma, as ações também sofreram com a queda de receita.

O que causou a valorização da AZUL4?

No final do primeiro semestre de 2021, o mercado de ações se mostrou mais aquecido para o setor de viagens e turismo, de modo que uma das beneficiadas foi a AZUL4. Isso deixou em alerta muitas pessoas que querem começar a investir na empresa.

A recuperação, desde o valor atingido no ano passado, é explicada principalmente pelo arrefecimento da pandemia, com o avanço das campanhas de vacinação no Brasil e no mundo, e pela perspectiva de reabertura da economia. 

Afinal, com grande parte da população brasileira e estrangeira vacinada, é possível realizar planos de férias e viagens, que é o ponto principal para uma companhia aérea. 

Inclusive, segundo o indicador RPK  (Revenue Passenger‐Kilometers ou Passageiros‐Quilômetros Pagos transportados), a empresa registrou um aumento de 280,4% de tráfego de passageiros em junho de 2021, fazendo uma comparação com o mesmo mês de 2020.

Em relação à recente queda da ação, pontuamos que, de meados de junho até hoje, o Ibovespa tem recuado, com as ações da Bolsa sendo “arrastadas”, de modo geral. 

Um dos motivos da queda foi a variante Delta do coronavírus — que é mais forte e mostra que ainda é preciso se cuidar bastante antes de voltar à rotina pré-pandemia —, além da perspectiva de aumento mais intenso de juros e projeções crescentes de inflação.

Essa é uma análise geral, mas lembrando que em algumas séries da Levante você tem acesso a relatórios mais completos sobre os principais ativos da Bolsa de Valores!

A AZUL4 e o setor de viagens e turismo vão continuar crescendo?

Empresas de turismo devem se beneficiar das novas perspectivas com a vacinação em massa no Brasil e no mundo, uma vez que, à medida que a imunização avance, ocorrerá reabertura total e retomada de um fluxo maior de viagens (tanto turísticas quanto corporativas), favorecendo companhias aéreas.

Também existe uma perspectiva positiva para as ações de AZUL4. A empresa é vista não só como uma sobrevivente, mas também como uma vencedora na indústria. Afinal, ela é bem avaliada pelos consumidores e tem crescido bastante em rotas domésticas. 

Além disso, tem expandido suas rotas internacionais, fazendo trechos como Miami. É necessário ressaltar, inclusive, que o gerenciamento da Azul é forte, e a companhia tem acertado sua estratégia aqui no Brasil. De qualquer forma, vale a recomendação de fazer análises do mercado como um todo e saber como monitorar a Bolsa de Valores para saber se a AZUL4 ou outras ações valem a pena “em relação ao seu perfil de investidor e aos seus objetivos. Para saber como ter esse tipo de visão crítica e receber as recomendações das ações com melhor potencial de alta neste momento, conheça a série As Melhores Ações, da Levante Ideias!


Quer conhecer mais a Levante?

A Levante está aqui para empoderar você na construção do seu patrimônio e na realização dos seus maiores sonhos. O foco é ajudar a investir de forma eficiente e descomplicada, bem longe das armadilhas tão comuns do mercado financeiro.

Por isso, os especialistas da Levante trabalham duro para escolher as melhores ideias de investimentos para facilitar a realização dos seus sonhos.

Conheça as principais Assinaturas da Levante, por aqui.


Veja mais:

3 FIIs para investir em 2021. Confira o relatório gratuito, por aqui.

Vale a pena investir nas ações do Grupo Pão de Açucar (PCAR3)? Veja por aqui.

Vale a pena investir nas ações da Via (VIIA3)? Confira o relatório, por aqui.

Vale a pena investir nas ações do Banco Inter (BIDI11)? Veja por aqui.

Levante

Levante

A Levante Ideias de Investimentos é uma casa de análises que ajuda pessoas a investirem de forma eficiente e descomplicada, bem longe das armadilhas tão comuns do mercado financeiro. Conheça os conteúdos da casa de análise em www.levanteideias.com.br

Publicidade

Você pode se interessar por

Publicidade

Leia também

Advertência

Declaramos que o Portal Acionista.com.br não se responsabiliza pelas informações divulgadas neste site e qualquer outro canal, tanto referente às matérias de produção própria , quanto matérias ou análises produzidas por terceiros ou reproduzidas de links autorizados, publicados nas nossas páginas a partir de uma seleção criteriosa, porém sem garantir sua integralidade e exatidão. Matérias e  análises produzidas por terceiros são de inteira responsabilidade dos mesmos. As informações, opiniões, sugestões, estimativas ou projeções referem-se a data presente e estão sujeitas à mudanças conforme as condições do mercado, sem prévio aviso. Informamos, ainda, que o Acionista.com.br não faz qualquer recomendação de investimento e que, portanto, não se responsabiliza por perdas, danos, custos e lucros cessantes decorrentes de operações financeiras de qualquer tipo, enfatizando que as decisões sobre investimentos são pessoais.
Importante lembrar sempre: ganhos passados, não são garantia de ganhos futuros.

Participe do Telegram Acionista!

Receba informações do mercado financeiro gratuitamente.

Não vá embora ainda!

Conheça nosso Clube exclusivo e gratuito

Esse site usa cookies para personalizar o conteúdo, propagandas e acompanhar o tráfego de acordo com os nossos Termos de Uso e Política de Privacidade.