Entenda as 4 principais políticas econômicas do Governo

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tweet
Compartilhar no linkedin
Publique
Compartilhar no whatsapp
Encaminhe
Compartilhar no email
Envie

Newsletter

Receba notícias por Whatsapp

Receba notícias pelo Telegram

Banrisul

O objetivo principal das políticas econômicas é melhorar o bem-estar social, e claro, a cada medida tomada haverá consequências. Tanto para o dia a dia do cidadão, como para o seu investimento. Portanto seja em cenário de desafios ou de crescimento pleno é importante estar atento nas movimentações. Incluindo as intervenções governamentais para saber se você está colocando seu dinheiro no investimento correto.

Confira as 4 principais políticas econômicas do Governo

  1. Política de Renda
    Visa elevar o poder de consumo de toda a população através das trocas financeiras. Tem impacto direto no nível de preços, ou seja, o cuidado está diretamente ligado à inflação.
  2. Política Fiscal
    Tem como principal meta equilibrar os gastos e as receitas do governo via controle de gastos públicos e dos impostos, principalmente. Havendo dois tipos principais de política fiscal:
    A expansionista que visa estimular a economia, diminuindo juros, arrecadação e aumentando seus gastos;
    E a contracionista que visa desaquecer a econômica, tirando estímulos, aumentando juros e controlando a inflação.
  3. Política Cambial
    Objetiva equilibrar as contas externas e principalmente a taxa de câmbio do país. Isto é, controlar a quantidade de moeda nacional para adquirir outra moeda de outro país (a mais conhecida Real X Dólar). Portanto Influencia diretamente na importação e exportação.
    Em cenário de desvalorização do Real quem ganha é quem exporta por vender para fora do país e receber mais da moeda nacional; e perde quem importa pois terá que pagar mais caro para obter o item lá de fora. Com a valorização do Real ocorre a relação inversa.
  4. Política Monetária
    Reflete diretamente no mercado financeiro por ser uma política que atua para controlar a liquidez do mercado (quantidade de moeda em circulação). Ou seja, atua através da disponibilidade de crédito e nas decisões sobre as taxas de juros praticadas na economia nacional.
    Entrando em cena a Selic que tem grande importância na economia, pois acaba servindo de parâmetro para as taxas de juros aplicadas em todo o mercado financeiro. Conhecida como a “taxa básica” ou o “custo primário do dinheiro”.

As decisões políticas econômicas costumam andar em linha com a evolução dos indicadores econômicos. Isto é, na medida em que os números vão evoluindo e estão dentro das metas estipuladas pelo governo, não tem porque intervir.

Porém em caso de pressões em determinados setores, o próprio resultado obriga que se faça algum tipo de intervenção. Ocasionando em decisões que provocam movimentos que reflem diretamente no seu investimento, obrigando você também a se reajustar diante do novo cenário econômico do país.


Fique por dentro de todos os números econômicos

O nosso site Acionista.com.br possui uma página específica para apresentar estes dados – Indicadores de Mercado. Pois sabemos que desta maneira estamos auxiliando os interessados em acompanhar mais de perto importantes indicadores econômicos e fundamentais para contribuir no investimento de qualidade e consciente. 

Advertência

Declaramos que o Portal Acionista.com.br não se responsabiliza pelas informações divulgadas neste site e qualquer outro canal, tanto referente às matérias de produção própria , quanto matérias ou análises produzidas por terceiros ou reproduzidas de links autorizados, publicados nas nossas páginas a partir de uma seleção criteriosa, porém sem garantir sua integralidade e exatidão.
Matérias e  análises produzidas por terceiros são de inteira responsabilidade dos mesmos. As informações, opiniões, sugestões, estimativas ou projeções referem-se a data presente e estão sujeitas à mudanças conforme as condições do mercado, sem prévio aviso.
Informamos, ainda, que o Acionista.com.br não faz qualquer recomendação de investimento e que, portanto, não se responsabiliza por perdas, danos, custos e lucros cessantes decorrentes de operações financeiras de qualquer tipo, enfatizando que as decisões sobre investimentos são pessoais.
Importante lembrar sempre: ganhos passados, não são garantia de ganhos futuros.

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Publicidade

Leia também

Destaques da bolsa ativos durante o pregão - das 10h as 17h - Fonte: Google Finance - delay aprox. de 20 min.

*Dados inativos fora do horário do pregão.

Especial Resultados 3T20 já disponível

Confira os relatórios e comentários sobre o desempenho das empresas neste trimestre.

Nossa missão é ajudar você a investir melhor com uma variedade de conteúdos, de diversas fontes. Acreditamos que quanto mais você se informa, melhor você decide!