ENERGIAS BR (ENBR3) expande horizonte de atuação e entra na indústria de aviação

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tweet
Compartilhar no linkedin
Publique
Compartilhar no whatsapp
Encaminhe
Compartilhar no email
Envie

Newsletter

Tire dúvidas sobre investimentos

Receba notícias pelo Telegram

CVC

A EDP está expandindo seu horizonte de atuação e passando a entrar na indústria de aviação. Fez isso através de um acordo com a Embraer, no qual ambas se empenharão em desenvolver tecnologia de eletrificação aeronáutica.

Este projeto da fabricante de aeronaves ganhou força no ano passado, quando contou com a cooperação da Weg.

Miguel Setas, presidente da EDP, afirmou que o projeto ajuda a companhia a atingir dois de seus objetivos: ser um ator relevante no segmento de mobilidade elétrica e liderar o processo de descarbonização e transição energética.

No futuro, a companhia mira um novo mercado potencial: os veículos aéreos urbanos; que, assim como os carros e ônibus, não escaparão da eletrificação e vão exigir soluções de fornecimento de energia.

A companhia vai financiar pesquisas relacionadas a sistemas de armazenamento e carregamento no projeto da Embraer, através da EDP Smart.

Impacto: Positivo. O acordo com a Embraer possibilitará à EDP atingir dois grandes objetivos: ser um ator relevante no segmento de mobilidade elétrica e liderar o processo de descarbonização e transição energética. Depois deste projeto, a empresa já visa passar a operar com veículos aéreos urbanos.

Advertência

Declaramos que o Portal Acionista.com.br não se responsabiliza pelas informações divulgadas neste site e qualquer outro canal, tanto referente às matérias de produção própria , quanto matérias ou análises produzidas por terceiros ou reproduzidas de links autorizados, publicados nas nossas páginas a partir de uma seleção criteriosa, porém sem garantir sua integralidade e exatidão.
Matérias e  análises produzidas por terceiros são de inteira responsabilidade dos mesmos. As informações, opiniões, sugestões, estimativas ou projeções referem-se a data presente e estão sujeitas à mudanças conforme as condições do mercado, sem prévio aviso.
Informamos, ainda, que o Acionista.com.br não faz qualquer recomendação de investimento e que, portanto, não se responsabiliza por perdas, danos, custos e lucros cessantes decorrentes de operações financeiras de qualquer tipo, enfatizando que as decisões sobre investimentos são pessoais.
Importante lembrar sempre: ganhos passados, não são garantia de ganhos futuros.

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Leia também

Leia também

Conheça o Painel Acionista: em um só lugar tudo o que você precisa saber sobre investimentos