Economatica: três das cinco mais valiosas empresas de capital aberto da América Latina são do Brasil

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tweet
Compartilhar no linkedin
Publique
Compartilhar no whatsapp
Encaminhe
Compartilhar no email
Envie

Newsletter

Receba notícias por Whatsapp

Receba notícias pelo Telegram

Economatica: três das cinco mais valiosas empresas de capital aberto da América Latina são do Brasil

Levantamento da consultoria Economatica informa que três das cinco mais valiosas empresas de capital aberto da América Latina são do Brasil.

A Vale, com seus US$ 57,19 bilhões de valor de mercado, perdeu o topo do ranking para a argentina Mercado Livre, que cotada atualmente em US$ 59,35 bilhões.

Na sequência, aparecem Petrobras (US$ 55,53 bilhões) e o Itaú Unibanco (US$ 44,58 bilhões) em terceiro e quarto lugar, respectivamente.

A quinta posição da lista ficou com a Walmart México (US$ 43,16 bilhões).

Economatica: três das cinco mais valiosas empresas de capital aberto da América Latina são do Brasil
Economatica: três das cinco mais valiosas empresas de capital aberto da América Latina são do Brasil

Balanços do segundo trimestre

A Vale (VALE3) registrou lucro líquido de R$ 4,9 bilhões no segundo trimestre de 2020 revertendo prejuízo de R$ 418,9 milhões em igual período do ano anterior.

A mineradora pagou um total de 4,5 bilhões de dólares em impostos e royalties em âmbito global devido às suas atividades em 2019, o equivalente a R$ 23,2 bilhões.

A Petrobras (PETR4) reportou prejuízo líquido de R$ 2,7 bilhões no segundo trimestre de 2020, uma queda de 114,4% frente igual período do ano anterior.

A petroleira realizou o pagamento e encerrou litígio com a Petros. A companhia quitou R$ 950 milhões referentes ao montante do acordo celebrado com a Petros e relacionado à Sete Brasil.

O Itaú (ITSA4) registrou queda de 75,4% no lucro líquido do segundo trimestre de 2020, ante igual periodo de 2019, ao marcar R$ 598 milhões.

O banco pagará R$ 168,2 milhões em dividendos para acionistas que tiverem papéis da companhia até dia 17 de agosto.

O valor do pagamento será correspondente a R$ 0,02 por ação e será pago em 26 de agosto.

Acesse 1Bilhão.

Advertência

Declaramos que o Portal Acionista.com.br não se responsabiliza pelas informações divulgadas neste site e qualquer outro canal, tanto referente às matérias de produção própria , quanto matérias ou análises produzidas por terceiros ou reproduzidas de links autorizados, publicados nas nossas páginas a partir de uma seleção criteriosa, porém sem garantir sua integralidade e exatidão.
Matérias e  análises produzidas por terceiros são de inteira responsabilidade dos mesmos. As informações, opiniões, sugestões, estimativas ou projeções referem-se a data presente e estão sujeitas à mudanças conforme as condições do mercado, sem prévio aviso.
Informamos, ainda, que o Acionista.com.br não faz qualquer recomendação de investimento e que, portanto, não se responsabiliza por perdas, danos, custos e lucros cessantes decorrentes de operações financeiras de qualquer tipo, enfatizando que as decisões sobre investimentos são pessoais.
Importante lembrar sempre: ganhos passados, não são garantia de ganhos futuros.

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Publicidade

Leia também

Destaques da bolsa ativos durante o pregão - das 10h as 17h - Fonte: Google Finance - delay aprox. de 20 min.

*Dados inativos fora do horário do pregão.

Por: Nelson Tucci

Toda segunda-feira

Por: Nelson Tucci

Toda segunda-feira