A Autoridade Europeia dos Valores Mobiliários e dos Mercados (ESMA) emitiu um alerta sobre a natureza altamente concentrada da negociação de criptomoedas, destacando os riscos potenciais que essa concentração representa para o ecossistema financeiro como um todo. 

A pesquisa da ESMA divulgada na quarta-feira (10) indica que cerca de 90% das transações de criptomoedas são processadas por apenas dez exchanges, com a Binance liderando o mercado, respondendo por metade de todo o volume de negociação. 

A concentração no mercado de criptomoedas vem crescendo nos últimos anos. Em 2019, as 10 maiores exchanges respondiam por 54% do volume de negociação. Esse número subiu para 73% em 2023, de acordo com os dados mais recentes da ESMA. 

“Os 10 principais exchanges executam cerca de 90% do volume total de negociação e, com um volume superior a USD 3,7 trilhões ou uma participação de mercado de 49%, a Binance é a maior exchange. O segundo colocado, Upbit, registrou apenas cerca de um sétimo desse volume”, disse o relatório.  

Embora essa concentração possa trazer benefícios em termos de eficiência, ela também levanta preocupações sobre as consequências de uma falha de uma das principais exchanges. A ESMA adverte que a falha de um único player poderia ter um efeito dominó, impactando todo o ecossistema cripto. 

Publicidade

CONHEÇA A COBERTURA QUE VAI

AUMENTAR SEU DINHEIRO NOS INVESTIMENTOS

Agendas, Análises, Recomendações, Carteiras e muito mais!