SUL AMERICA (SULA11) – Concluída a venda das operações de seguro de automóveis e ramos elementares para o Grupo Allianz

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tweet
Compartilhar no linkedin
Publique
Compartilhar no whatsapp
Encaminhe
Compartilhar no email
Envie

Newsletter

Tire dúvidas sobre investimentos

Receba notícias pelo Telegram

Em continuidade ao Fato Relevante divulgado em 23 de agosto de 2019, a companhia informa que, após o cumprimento das condições precedentes previstas em contrato, foi concluída com sucesso, em 10 de julho de 2020, a venda das operações de seguro de automóveis e ramos elementares do Grupo SulAmérica para o Grupo Allianz.

A conclusão da venda reforça o novo posicionamento estratégico da SulAmérica focado em pessoas, atendendo às necessidades dos clientes em saúde e proteção financeira em todas as fases de suas vidas. Cotadas a R$ 48,00/Unit equivalente a um valor de mercado de R$ 18,9 bilhões, suas Units registram queda de 19,0% este ano. O preço Justo de R$ 57,00/Unit aponta para um potencial de alta de 18,8%.

Destaques

• Foi pago pelo Grupo Allianz, também em 10 de julho, o preço ajustado de R$ 3,18 bilhões, considerando o patrimônio líquido total das companhias vendidas estimado para o fim de junho de 2020, em R$ 881 milhões, sujeito, ainda, a determinados ajustes residuais previstos no contrato de compra e venda;

• Os resultados das operações ora desinvestidas irão ainda constar das demonstrações financeiras da Companhia referentes ao 2º trimestre de 2020, como resultados de operação descontinuada;

• A conclusão da venda representará resultado não recorrente no lucro líquido da SulAmérica no exercício corrente da ordem de R$ 1,4 bilhão, com adição de aproximadamente R$ 2,1 bilhões nas disponibilidades da companhia, após as liberações de capital regulatório e custos da transação.

Tais recursos, de acordo com definição estabelecida pelo Conselho de Administração, deverão ter as seguintes destinações:

(i) pagamento da aquisição da Paraná Clínicas na conclusão desta transação;

(ii) execução do Plano de Recompra de Ações da Companhia em até 5% das units em circulação;

(iii) pagamento, junto com os resultados apurados do exercício 2020, dos dividendos mínimos sobre o ganho de capital líquido não recorrente;

(iv) pagamento da 7ª Emissão de Debêntures com vencimento em dezembro de 2020 e reforço do capital de giro da companhia durante a pandemia; e

v) investimentos no plano estratégico da companhia e reserva para futuras aquisições nos segmentos de saúde e odonto.

Advertência

Declaramos que o Portal Acionista.com.br não se responsabiliza pelas informações divulgadas neste site e qualquer outro canal, tanto referente às matérias de produção própria , quanto matérias ou análises produzidas por terceiros ou reproduzidas de links autorizados, publicados nas nossas páginas a partir de uma seleção criteriosa, porém sem garantir sua integralidade e exatidão.
Matérias e  análises produzidas por terceiros são de inteira responsabilidade dos mesmos. As informações, opiniões, sugestões, estimativas ou projeções referem-se a data presente e estão sujeitas à mudanças conforme as condições do mercado, sem prévio aviso.
Informamos, ainda, que o Acionista.com.br não faz qualquer recomendação de investimento e que, portanto, não se responsabiliza por perdas, danos, custos e lucros cessantes decorrentes de operações financeiras de qualquer tipo, enfatizando que as decisões sobre investimentos são pessoais.
Importante lembrar sempre: ganhos passados, não são garantia de ganhos futuros.

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Leia também