Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tweet
Compartilhar no linkedin
Publique
Compartilhar no whatsapp
Encaminhe
Compartilhar no email
Envie

Newsletter

Receba notícias por Whatsapp

Receba notícias pelo Telegram

A CCR terá Marco Cauduro como seu novo presidente. Este assumirá o cargo no meio de uma crise que afeta todas as linhas de negócio da companhia.

Cauduro passou por um processo seletivo de oito meses de duração, e deve assumir o cargo no dia 6 de julho.

A ideia era de que essa troca no comando marcasse um novo ciclo de crescimento para a empresa. No entanto, a passagem terá de ocorrer em meio a uma série de problemas urgentes e negociações com governos eórgãos reguladores.

A principal preocupação hoje são as concessões rodoviárias, que correspondem a maior fonte de receita dogrupo.

De acordocom Leonardo Vianna, atual presidente da cia, ogovernoestá demorando a apresentar medidas de apoio para o setor, que tem sido duramente atingido pela pandemia, com quedas superiores a 25% notráfego.

A proposta da CCR para que as concessionárias garantam seu caixa é criar um critério simples e rápido de calcular a perda de receita, por exemplo, comparando com o período anterior. Assim, as empresas já poderiam receber a compensação de ao menos uma parte dessa perda.

Segundo Guide Investimentos

Impacto: Marginalmente positivo. A troca de comando marcaria, na visão da empresa, seu novo ciclo de crescimento. No entanto, o novo executivo assumirá o cargo em meio a uma crise que impacta a CCR em todas as suas frentes. Além disso, as negociações com o governo estão demorando mais que o esperado.

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Publicidade

Leia também

Destaques da bolsa ativos durante o pregão - das 10h as 17h - Fonte: Google Finance - delay aprox. de 20 min.

*Dados inativos fora do horário do pregão.