Burger King anuncia oferta de ações, IPO da Rede D’Or e mais

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tweet
Compartilhar no linkedin
Publique
Compartilhar no whatsapp
Encaminhe
Compartilhar no email
Envie

Newsletter

Tire dúvidas sobre investimentos

Receba notícias pelo Telegram

Burger King

Confira as notícias mais relevantes a respeito das principais empresas da bolsa de valores. No Radar Empresas de hoje temos Burger King, IPO da Rede D’or, Linx, Banco Inter e Braskem.

Burger King (BKBR3) deve captar R$ 510,3 milhões em oferta restrita de ações

A BK Brasil Operação e Assessoria a Restaurantes, operadora no país da rede de restaurantes Burger King, informou que foi aprovado o preço por ação de R$ 10,80 no âmbito da oferta pública com esforços restritos de distribuição primária de ações, e o efetivo aumento do capital social da companhia em R$ 510.300.000,00, mediante a emissão de 47.250.000 ações ordinárias.

IPO da Rede D’Or São Luiz pode movimentar até R$ 12,655 bilhões

A Rede D’Or São Luiz está se preparando para realizar a maior oferta pública inicial de ações (IPO, na sigla em inglês) deste ano e a segunda maior operação da história do mercado de capitais brasileiro.

Desse modo, o maior grupo hospitalar do País divulgou na madrugada desta terça-feira (17) o prospecto da operação, indicando que o preço por ação pode ficar entre R$ 48,91 e R$ 64,35.

Acionistas da Linx (LINX3) aprovam proposta da Stone de R$ 6,7 bilhões

A Linx confirmou a aprovação pelos acionistas da proposta de fusão feita pela Stone de R$ 6,7 bilhões. Assim, a informação foi antecipada por fontes ao Broadcast. Além disso, foram 97,4 milhões de ações votando a favor da operação, 34,8 milhões contra e 6,6 milhões abstenções.

Por fim, também foi aprovada a dispensa da obrigação de listagem da STNE no segmento Novo Mercado da B3, com 63,7 milhões de votos a favor.

Quer saber onde investir? Reunimos os melhores especialistas do mercado em um só lugar, para você comparar e decidir onde investir! Acesse agora.

Banco Inter (BIDI11) compra 45% da credenciadora de cartões do BMG (BMGB4)

O Banco Inter anunciou na terça-feira (17) que comprou 45% da participação societária da BMG Granito Soluções em Pagamento.

Dessa forma, o primeiro aporte será de R$ 90 milhões. “A participação na Granito faz parte da estratégia do Inter de adquirir novas empresas de forte base tecnológica e perfil inovador”, explicou o banco em comunicado ao mercado.

Braskem (BRKM5) anuncia que contrato de subsidiária no México permanece válido

A Braskem anunciou que o contrato de fornecimento de etano de sua subsidiária no México permanece em vigor e válido. Portanto, a petroquímica afirma que, até a presente data, não recebeu qualquer notificação formal em sentido contrário.

Ademais, segundo publicação na mídia, o presidente do México, Andrés Manuel Lopez Obrador, anunciou o cancelamento do contrato de fornecimento de etano firmado pela Pemex com a Braskem Idesa, após denúncias de corrupção.

Fonte: Necton, Terra Investimentos

A principal referência do mercado financeiro

Aqui no Acionista você tem a oportunidade de ler, comparar e decidir.

Trabalhamos em prol do investidor, aproximando em apenas um local diversas opiniões, sugestões e expectativas para o mercado.

Tempo é dinheiro. Poupamos seu tempo para que você foque no dinheiro.

Advertência

Declaramos que o Portal Acionista.com.br não se responsabiliza pelas informações divulgadas neste site e qualquer outro canal, tanto referente às matérias de produção própria , quanto matérias ou análises produzidas por terceiros ou reproduzidas de links autorizados, publicados nas nossas páginas a partir de uma seleção criteriosa, porém sem garantir sua integralidade e exatidão.
Matérias e  análises produzidas por terceiros são de inteira responsabilidade dos mesmos. As informações, opiniões, sugestões, estimativas ou projeções referem-se a data presente e estão sujeitas à mudanças conforme as condições do mercado, sem prévio aviso.
Informamos, ainda, que o Acionista.com.br não faz qualquer recomendação de investimento e que, portanto, não se responsabiliza por perdas, danos, custos e lucros cessantes decorrentes de operações financeiras de qualquer tipo, enfatizando que as decisões sobre investimentos são pessoais.
Importante lembrar sempre: ganhos passados, não são garantia de ganhos futuros.

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Leia também