Publicidade
Publicidade

Brasil é relevante na estratégia de hidrogênio verde da Engie

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
Singulare

A Engie (EGIE3), maior geradora privada de energia no país, tem planejado novos projetos de modo a atingir sua meta de capacidade global de produção de 4 gigawatts (GW) de hidrogênio verde até 2030.

Nesse sentido, o Brasil, devido à sua abundância de água e ao bom preço da energia gerada por fontes renováveis – importante para a eletrólise, processo que dá origem ao hidrogênio -, terá um papel de destaque na nova empreitada, conduzindo os projetos de energia verde da companhia.

Publicidade

As oportunidades para lucrar com proventos todos os meses

Para ocupar a divisão de desenvolvimento de negócios globais de hidrogênio verde do grupo, foi selecionado Raphael Barreau, vice-presidente executivo que ficará baseado no Brasil.

Publicidade




Segundo Barreau, a complementaridade entre a geração eólica, solar e hidrelétrica no país garante fornecimento constante de energia limpa, fator importante para baratear o custo das unidades de eletrólise.

Publicidade

Atraia bons investimentos para índices futuros, opções e ações

A despeito das vantagens competitivas apresentadas, o executivo ainda pontua desafios a serem superados no território brasileiro para que este se mantenha atrativo para projetos.

Dentre os principais fatores a serem endereçados, destaca a ampliação da conexão da atual rede de transmissão, importante para a garantir o acesso de outras regiões à energia renovável produzida no Nordeste, e o aprimoramento da atual regulação, de modo que o hidrogênio possa ser injetado nas redes de transporte e distribuição de gás natural.

E Eu Com Isso?

A notícia é positiva para a Engie Brasil. Além de maior aderência às práticas ESG (sigla em inglês para Ambiental, Social e Governança), que beneficia as operações da geradora privada, contribuiu fortemente para as operações o destaque dado para o Brasil nessa empreitada, com o mesmo conduzindo os futuros projetos de hidrogênio verde.

O fato de o vice-presidente executivo de desenvolvimento do segmento, Raphael Barreau, estabelecer-se no Brasil para comandar a estratégia também corrobora a visão de que o país terá um papel chave para a estratégia do grupo, beneficiando principalmente sua subsidiária local.

Apesar das notícias animadoras para a operação da companhia, estas ainda se encontram em um estágio inicial de planejamento, de modo que as contribuições positivas para a operação só deverão ser refletidas no longo prazo, com o preço das ações da companhia (EGIE3) apresentando um comportamento neutro no curto prazo.

Este conteúdo faz parte da nossa Newsletter ‘E Eu Com Isso’.


Quer conhecer mais a Levante?

A Levante está aqui para empoderar você na construção do seu patrimônio e na realização dos seus maiores sonhos. O foco é ajudar a investir de forma eficiente e descomplicada, bem longe das armadilhas tão comuns do mercado financeiro.

Por isso, os especialistas da Levante trabalham duro para escolher as melhores ideias de investimentos para facilitar a realização dos seus sonhos.

Conheça as principais Assinaturas da Levante, por aqui.


Veja mais:

Vale a pena entrar no IPO da Nubank? Confira o relatório gratuito, por aqui.

O que fazer para não perder dinheiro na bolsa. Confira o relatório gratuito, por aqui.

Vale a pena investir nas ações da Via (VIIA3)? Confira o relatório, por aqui.

Levante

Levante

A Levante Ideias de Investimentos é uma casa de análises que ajuda pessoas a investirem de forma eficiente e descomplicada, bem longe das armadilhas tão comuns do mercado financeiro. Conheça os conteúdos da casa de análise em www.levanteideias.com.br

Publicidade

Você pode se interessar por

Publicidade

Leia também

Advertência

Declaramos que o Portal Acionista.com.br não se responsabiliza pelas informações divulgadas neste site e qualquer outro canal, tanto referente às matérias de produção própria , quanto matérias ou análises produzidas por terceiros ou reproduzidas de links autorizados, publicados nas nossas páginas a partir de uma seleção criteriosa, porém sem garantir sua integralidade e exatidão. Matérias e  análises produzidas por terceiros são de inteira responsabilidade dos mesmos. As informações, opiniões, sugestões, estimativas ou projeções referem-se a data presente e estão sujeitas à mudanças conforme as condições do mercado, sem prévio aviso. Informamos, ainda, que o Acionista.com.br não faz qualquer recomendação de investimento e que, portanto, não se responsabiliza por perdas, danos, custos e lucros cessantes decorrentes de operações financeiras de qualquer tipo, enfatizando que as decisões sobre investimentos são pessoais.
Importante lembrar sempre: ganhos passados, não são garantia de ganhos futuros.

Não vá embora ainda!

Conheça nosso Clube exclusivo e gratuito

Esse site usa cookies para personalizar o conteúdo, propagandas e acompanhar o tráfego de acordo com os nossos Termos de Uso e Política de Privacidade.