BCFF11 comunica a restituição de IR que representa R$0,21 por cota

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tweet
Compartilhar no linkedin
Publique
Compartilhar no whatsapp
Encaminhe
Compartilhar no email
Envie

Newsletter

Receba notícias por Whatsapp

Receba notícias pelo Telegram

O FII BTG Pactual Fundo de Fundos (BCFF11) comunicou ontem ao mercado que reverteu a provisão no valor de R$ 4.217.485,25, em função da decisão final favorável nos processos de restituição de imposto de renda sobre o lucro auferido em alienações de cotas de fundos de investimento imobiliário do ano de 2015.

Tal valor representa o equivalente a R$ 0,21 por cota, que serão distribuídos aos investidores, porém não foi informado as datas dessas distribuições.

“Por fim, esclarecemos que os demais impostos que incidem sobre o ganho de capital no lucro das vendas de cotas de FII pelo fundo foram e permanecem sendo recolhidos normalmente conforme previsto em sua respectiva legislação”, finalizou o comunicado.

Confira o Fato Relevante Completo

Acompanhe os FIIs mais sugeridos para investir

Advertência

Declaramos que o Portal Acionista.com.br não se responsabiliza pelas informações divulgadas neste site e qualquer outro canal, tanto referente às matérias de produção própria , quanto matérias ou análises produzidas por terceiros ou reproduzidas de links autorizados, publicados nas nossas páginas a partir de uma seleção criteriosa, porém sem garantir sua integralidade e exatidão.
Matérias e  análises produzidas por terceiros são de inteira responsabilidade dos mesmos. As informações, opiniões, sugestões, estimativas ou projeções referem-se a data presente e estão sujeitas à mudanças conforme as condições do mercado, sem prévio aviso.
Informamos, ainda, que o Acionista.com.br não faz qualquer recomendação de investimento e que, portanto, não se responsabiliza por perdas, danos, custos e lucros cessantes decorrentes de operações financeiras de qualquer tipo, enfatizando que as decisões sobre investimentos são pessoais.
Importante lembrar sempre: ganhos passados, não são garantia de ganhos futuros.

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email