Mulheres em Ação

Autoconhecimento não é papo de guru barato

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email

Até porque, convenhamos, de barato os gurus não tem nada.

Hoje, o autoconhecimento é a soft skill mais valorizada no mercado e mais importante na vida. Se conhecer é entender seus padrões, suas crenças, a forma como trabalha melhor, maneiras de levar uma vida mais alinhada e muito mais.

E o melhor de tudo é que só depende de você.

O autoconhecimento começa com entender horários que somos mais produtivos ou como aprendemos coisas novas, passa por definição de objetivos, entendimento e destruição de crenças e até autoestima.

Durante nossa vida, muitas vezes assumimos papéis que acreditamos serem necessários para pertencer a um grupo, se encaixar em algum lugar ou cumprir alguma expectativa. Quando não temos contato com quem somos em essência, esses papéis e exigências podem se acumular e acabamos nos perdendo no personagem, não conseguindo mais voltar para quem somos, o que queremos e o que gostamos.

Isso tem um grande custo para nossa qualidade de vida.

O autoconhecimento permite que a gente assuma quem somos e nos ajuda a entender, inclusive, nosso lugar no mundo. E o mais curioso é que sempre que somos verdadeiramente nós mesmos, além de sermos mais felizes, conquistamos mais e somos mais admirados, já que autenticidade encanta.

Quando entendemos quem somos, nos libertamos das amarras que podem estar nos prendendo e nos tornamos mais leves e mais íntegros, o que permite que a gente viva melhor, defina objetivos mais alinhados com nossos desejos reais e acolha nós mesmos.

O processo não é fácil e não tem fim. É preciso, porém, começar e, mais importante, continuar.

Para facilitar um pouco tua jornada, te trago abaixo o que considero os pilares do autoconhecimento e, depois, algumas dicas e práticas e MUITO SIMPLES para começar hoje mesmo.

Pilares do autoconhecimento:

  1. Auto observação: Capacidade de observar nossos pensamentos, sentimentos e ações sem fazer juízo de valor. Somente assim somos capazes de entender nossos padrões;
  2. Autorresponsabilidade: Capacidade de assumir a responsabilidade por aquilo que nos acontece a partir das nossas escolhas. O poder reside em compreender que somos os únicos responsáveis pela forma que escolhemos agir e, assim, pelas consequências dessas ações;
  3. Autocompaixão: Capacidade de olhar para si sem julgamento. Quando percebemos que sempre fazemos o melhor que conseguimos com os recursos que temos no contexto que estamos, podemos nos acolher e iniciar um processo de cura e desenvolvimento pessoal;
  4. Disposição: vontade e disciplina para continuar o processo mesmo nos momentos mais difíceis. A jornada de autoconhecimento não é simples e dura uma vida inteira, então é preciso disciplina e persistência para permanecer se aprofundando em si.

Dicas e práticas que auxiliam no processo:

Escrita intuitiva: mantenha um diário onde possa escrever sobre o teu dia, o que aconteceu e como se sentiu. Garanto que logo logo você já começa a perceber padrões de comportamento que podem te trazer grandes insights.

Se faça perguntas: se questione constantemente sobre o que está sentindo e o que esse sentimento está querendo te mostrar, a qual necessidade sua ele está ligado. Mas atenção: não é para questionar sua capacidade, mas sim exercitar o olhar de não julgamento como no pilar da auto observação;

Escreva sua história – ou partes dela: através do olhar da autorresponsabilidade, ressignificando algo que possa ter ficado mal resolvido e dando o devido valor às conquistas que, normalmente, passam despercebidas;

Não vou mentir, o processo é desafiador e não necessariamente se torna mais fácil. Mas garanto que a medida que vamos nos entendendo e nos libertando para sermos quem somos, os benefícios são avassaladores.

Luiza Malheiros

Formada em Relações Públicas com MBA em Gestão de Pessoas e apaixonada por pessoas e comportamento humano. Senti na pele – literalmente – o poder do autoconhecimento e, por isso, senti um chamado para criar um projeto voltado para mulheres com foco em empoderamento através do autoconhecimento. O @amar.amim é minha jornada compartilhada, onde meu objetivo é colocar, pelo menos, uma pulga atrás da orelha de cada uma.

Minas de Propósito

Minas de Propósito

Somos um coletivo de empoderamento feminino e nascemos para amplificar vozes de MINAS de Propósito. Abraçamos todas causas em prol de um mundo melhor. Compartilhando, Inspirando e Debatendo, através de eventos presenciais e online, unindo mulheres para ouvir outras mulheres e assim construirmos a sororidade que tanto almejamos. Já realizamos mais de 15 eventos nos últimos 2 anos e mais de 50 histórias foram contadas por mulheres de 2 países, e 6 estados com diferentes classes sociais, raças, profissões, idades, medos, anseios, sabotadoras, imprevistos, e parceiras. Ainda pequenas almejamos chegar na ONU e ganhar força de mais organizações.

Newsletter Mulheres em Ação

Cadastre-se e receba semanalmente as novidades da página e dicas de conteúdos exclusivos.

Você pode se interessar por

Publicidade

Leia também

Tire dúvidas sobre investimentos

Advertência

Declaramos que o Portal Acionista.com.br não se responsabiliza pelas informações divulgadas neste site e qualquer outro canal, tanto referente às matérias de produção própria , quanto matérias ou análises produzidas por terceiros ou reproduzidas de links autorizados, publicados nas nossas páginas a partir de uma seleção criteriosa, porém sem garantir sua integralidade e exatidão.
Matérias e  análises produzidas por terceiros são de inteira responsabilidade dos mesmos. As informações, opiniões, sugestões, estimativas ou projeções referem-se a data presente e estão sujeitas à mudanças conforme as condições do mercado, sem prévio aviso.
Informamos, ainda, que o Acionista.com.br não faz qualquer recomendação de investimento e que, portanto, não se responsabiliza por perdas, danos, custos e lucros cessantes decorrentes de operações financeiras de qualquer tipo, enfatizando que as decisões sobre investimentos são pessoais.
Importante lembrar sempre: ganhos passados, não são garantia de ganhos futuros.

Telegram

Este site usa cookies e dados pessoais de acordo com os nossos Termos de Uso e Política de Privacidade e, ao continuar navegando neste site, você declara estar ciente dessas condições.