Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tweet
Compartilhar no linkedin
Publique
Compartilhar no whatsapp
Encaminhe
Compartilhar no email
Envie

Newsletter

Receba notícias por Whatsapp

Receba notícias pelo Telegram

A atividade do comércio em maio trouxe números positivos, registrando um aumento de 5,0%, na comparação com abril deste ano, feito os devidos ajustes sazonais, segundo dados do Indicador da Serasa Experian.

Segundo o economista da Serasa Experian, Luiz Rabi, a perspectiva a partir de maio é de uma melhora gradual. ‘Mesmo que pequena, a movimentação da variação mensal tende a continuar positiva nos próximos meses, já que várias regiões brasileiras estão retomando o funcionamento dos comércios’, diz.

A alta mensal foi puxada pelo segmento de Material de Construção, que apresentou crescimento de 9,7% na mesma comparação. ‘Parte da população que está mais casa pode ter encontrado tempo e necessidade de executar pequenas obras, reparos e manutenções, por isso, o movimento positivo neste setor’, ressalta Rabi.

Alimentos e Bebidas aparecem em segundo lugar, com alta de 6,7% e Móveis, Eletrodomésticos, Eletroeletrônicos e Informática em terceiro (6,1%). O restante dos segmentos continua acumulando quedas: Combustíveis e Lubrificantes (-1,8%); Veículos, Motos e Peças (-0,4%) e Tecidos, Vestuário, Calçados e Assessórios (-0,5%).

Análise anual

Na análise anual, a atividade do comércio caiu 31,2% em maio deste ano, na comparação com o mesmo mês do ano passado. A queda mais significativa (40,9%) veio do segmento de Tecidos, Vestuário, Calçados e Assessórios.

(MR – Agência Enfoque)

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Publicidade

Leia também

Destaques da bolsa ativos durante o pregão - das 10h as 17h - Fonte: Google Finance - delay aprox. de 20 min.

*Dados inativos fora do horário do pregão.

A vez dos Títulos Sustentáveis no Brasil

Por: Nelson Tucci

Toda segunda-feira

A vez dos Títulos Sustentáveis no Brasil

Por: Nelson Tucci

Toda segunda-feira