As 3 Small Caps mais recomendadas para abril pelos analistas

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
Small Caps

Após mês positivo com alta de 4,56% no SMALL, os analistas atualizaram suas carteiras recomendadas para abril. Desse modo, confira as melhores oportunidades de Small Caps para o mês de acordo com as principais equipes de análise do país.

Confira as 3 Small Caps mais recomendadas do mês

Oi (OIBR3)

Após um início de ano promissor, as ações da Oi despencaram e agora estão em R$ 1,89. Para os analistas, a correção das ações pode ter sido ocasionada por investidores desiludidos com o fato de que poucos veículos terem demonstrado interesse na InfraCo e os lances não terem ultrapassado muito o preço mínimo.

Em sua opinião, mesmo que as ofertas iniciais apresentadas pelos diferentes investidores possam não ter vindo muito acima do preço mínimo, é prematuro concluir que elas permanecerão onde estão. O que importa no final do dia é o quanto os licitantes querem o ativo e se eles estão preparados e capitalizados para fazer lances vencedores.

O preço-alvo por soma de partes da equipe do BTG para a Oi é R$ 3,10 (potencial de valorização de 64%), e presume que a InfraCo seria vendida por R$ 24 bilhões. Mesmo considerando o preço mínimo de R$20 bilhões, o preço-alvo seria de R$2,40 (potencial de valorização de 27%).

Desde que a Oi passou a fazer parte das Principais Small Caps do mês, em julho de 2020, a empresa teve uma valorização expressiva de 58,82%, contra uma valorização de apenas 21,98% do Ibovespa e uma valorização de 24,11% do índice SMALL no mesmo período.

Santos Brasil (STBP3)

A Santos Brasil atua no segmento de operações portuárias, transporte e logística. A companhia atua em um setor com um promissor pipeline de concessões portuária em 2021 e tem uma sensibilidade de 2,5x PIB no transporte de cargas no Porto de Santos.

Na visão dos analistas, os principais drivers para crescimento da companhia são:

• Perspectiva de Recuperação dos preços praticados no Porto de Santos que estão com um desconto de 41% do pico de 2013.

• Follow on que captou R$ 780 milhões será utilizado em novas concessões Portuárias e serviços de logística do grupo.

• Privatização da autoridade Portuária de Santos.

A Santos Brasil passou a fazer parte das Principais Small Caps somente em janeiro desse ano e, dessa forma, não faz sentido analisar seu desempenho em um espaço de tempo tão pequeno, pelo foco da carteira ser na valorização no longo prazo.

Sempre lembramos que, no curto prazo, as cotações são influenciadas por diversos fatores que muitas vezes a empresa nem tem como controlar. Entretanto, no longo prazo, a cotação da ação tende a convergir para o lucro líquido da mesma.

SLC Agrícola (SLCE3)

A SLC se tornou uma das principais Small Caps do mês após conseguir ter um ótimo nível de rentabilidade em 2020, influenciada pelo dólar mais elevado e pela expectativa de maiores safras, que também tendem a manter os bons resultados da empresa esse ano.

Os analistas percebem e destacam resiliência no negócio da empresa, através da consistência dos resultados, mesmo considerando as oscilações de curto prazo nos preços das commodities.

A SLC Agrícola é passou a fazer parte das nossas Principais Small Caps mês de março, logo seu curto horizonte de tempo na carteira ainda não permite fazer uma análise de desempenho adequada.

Fontes: BTG Pactual, Necton e Terra Investimentos.

CONFIRA AS PRINCIPAIS SMALL CAPS DO MÊS

Receba conteúdos diariamente por e-mail

Acionista

Acionista

O portal Acionista.com.br aproxima investidores, informações e investimentos com conteúdos atualizados diariamente sobre o mercado financeiro e as companhias abertas nos diferentes meios digitais – website e redes sociais.

Você pode se interessar por

Publicidade

Receba notícias pelo Telegram

Leia também

Tire dúvidas sobre investimentos

Últimas atualizações sobre

Advertência

Declaramos que o Portal Acionista.com.br não se responsabiliza pelas informações divulgadas neste site e qualquer outro canal, tanto referente às matérias de produção própria , quanto matérias ou análises produzidas por terceiros ou reproduzidas de links autorizados, publicados nas nossas páginas a partir de uma seleção criteriosa, porém sem garantir sua integralidade e exatidão.
Matérias e  análises produzidas por terceiros são de inteira responsabilidade dos mesmos. As informações, opiniões, sugestões, estimativas ou projeções referem-se a data presente e estão sujeitas à mudanças conforme as condições do mercado, sem prévio aviso.
Informamos, ainda, que o Acionista.com.br não faz qualquer recomendação de investimento e que, portanto, não se responsabiliza por perdas, danos, custos e lucros cessantes decorrentes de operações financeiras de qualquer tipo, enfatizando que as decisões sobre investimentos são pessoais.
Importante lembrar sempre: ganhos passados, não são garantia de ganhos futuros.

Este site usa cookies e dados pessoais de acordo com os nossos Termos de Uso e Política de Privacidade e, ao continuar navegando neste site, você declara estar ciente dessas condições.