Publicidade
Publicidade
Publicidade

Agricultor paulista recebeu 1,41% mais por sua produção em janeiro. diz IEA

Data da publicação

“O Estado de S. Paulo” é o mais antigo dos jornais da cidade de São Paulo ainda em circulação . Em 4 de janeiro de 1875, ainda durante o Império, circulava pela primeira vez “A Província de S. Paulo” – seu nome original.

Destaques

Data da publicação

Os produtores do Estado de São Paulo receberam em janeiro mais pelos seus produtos ante dezembro de 2020, informou o Instituto de Economia Agrícola (IEA-Apta), em nota. O Índice de Preços Recebidos pela Agropecuária Paulista (IqPR) encerrou o primeiro mês do ano com alta de 1,41%. Tanto os produtos vegetais quanto os animais tiveram reajustes positivos, com avanços, respectivamente, de 1,71% e 0,63%.

Em janeiro de 2020, 11 dos 18 produtos analisados pelo IEA subiram de preços, entre eles milho (+13,81%), trigo (+13,78%) e algodão (+10,27%). Os maiores recuos ocorreram com banana nanica (-25,86%), amendoim (-14,96%) e arroz (-10,87%).

Publicidade

No acumulado de 12 meses, o IqPR variou positivamente por nove meses seguidos, com porcentual acumulado de 36,01%, sendo que os produtos de origem animal subiram 44,42% e os de origem vegetal, 32,8%.

“Nesse período de análise, todos os produtos do levantamento tiveram reajustes. Banana nanica (116,56%), amendoim (106,59%) e soja (101,74%) foram culturas que apresentaram as maiores altas no campo paulista nos últimos 12 meses”, cita o IEA-Apta.

Autor

“O Estado de S. Paulo” é o mais antigo dos jornais da cidade de São Paulo ainda em circulação . Em 4 de janeiro de 1875, ainda durante o Império, circulava pela primeira vez “A Província de S. Paulo” – seu nome original.

Receba informações do mercado financeiro no seu celular gratuitamente

Compartilhe esse post nas suas redes!

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email

Você pode se interessar por

Publicidade

Leia também

Publicidade

Advertência

Declaramos que o Portal Acionista.com.br não se responsabiliza pelas informações divulgadas neste site e qualquer outro canal, tanto referente às matérias de produção própria , quanto matérias ou análises produzidas por terceiros ou reproduzidas de links autorizados, publicados nas nossas páginas a partir de uma seleção criteriosa, porém sem garantir sua integralidade e exatidão. Matérias e  análises produzidas por terceiros são de inteira responsabilidade dos mesmos. As informações, opiniões, sugestões, estimativas ou projeções referem-se a data presente e estão sujeitas à mudanças conforme as condições do mercado, sem prévio aviso. Informamos, ainda, que o Acionista.com.br não faz qualquer recomendação de investimento e que, portanto, não se responsabiliza por perdas, danos, custos e lucros cessantes decorrentes de operações financeiras de qualquer tipo, enfatizando que as decisões sobre investimentos são pessoais.
Importante lembrar sempre: ganhos passados, não são garantia de ganhos futuros.

Publicidade

Telegram Acionista

Os principais destaques do mercado! A melhor cobertura.

Esse site usa cookies para personalizar o conteúdo, propagandas e acompanhar o tráfego de acordo com os nossos Termos de Uso e Política de Privacidade.